Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

Vereador Catulé defende maior atuação da Câmara Municipal

Na volta dos trabalhos legislativos, nesta segunda-feira (14), o vereador Catulé chamou a atenção dos colegas de parlamento para o desempenho da atual legislatura caxiense diante do pedido de socorro da população.

“Passamos mais de um ano sem funcionar 100%, a Casa do Povo. Para alguns, isso foi até bom, para os que representam mal, para os que vivem sempre na basta da subserviência e, sobretudo, na basta do bajulismo, da preguiça e da irresponsabilidade, que sempre foi”, disparou o vereador.

Catulé acrescentou que se a Câmara estava fechada independia da vontade de todos: “as razões todos sabem, e nós teríamos que dar o bom exemplo, uma vez que aqui é a caixa de ressonância da sociedade caxiense. Mas houve luta externa para que essa Casa não funcionasse”.

O vereador reconheceu a força de vontade do presidente Teódulo Aragão, ao mesmo tempo em que criticou 60% dos colegas que continuam como se não tivesse protocolo, participando de várias reuniões políticas e fazendo coro que a Casa não pode funcionar por causa da pandemia.

Ele lamentou a falta repercussão de recentes assuntos, como a própria Covid e a apreensão de um carro com meio milhão de reais, que ninguém sabe quem é o dono. 

“Em todos esses anos nunca tinha visto um legislativo funcionar como esse, onde aqui não temos oposição. Mas estou vendo que quando não tem oposição isso termina se transformando como uma cobra de duas cabeças, onde os próprios colegas começam a se bater, a se morder, e não vejo o prefeito se movimentando para impedir isso”, observou.

Se depender do parlamentar, nenhum colega terá problema pessoal com ele, independente de sua escolha a deputado estadual, federal ou governador, porque cada um escolhe quem quiser. Ele defende candidatos ficha-limpa.

Para Catulé, é louvável a atividade dos vereadores quando pedem para calçar uma rua ou botar um asfalto, pois acabam sendo também assistencialistas, mas é preciso estimular mais os empregos, a indústria, o comércio de fora vir se instalar na cidade para gerar renda, gerar impostos.

O vereador defendeu também uma maior atuação do Ministério Público Eleitoral diante os comícios antecipados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com