Banner02

Banner08

sexta-feira, 1 de março de 2024

Chapa liderada por Paulo Ziulkoski e Ivo Rezende vence eleição na CNM, reforçando compromisso com os municípios brasileiros

A eleição da chapa 01 “CNM Independente” liderada pelo atual presidente, Paulo Ziulkoski, e pelo presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), prefeito de São Mateus, Ivo Rezende, para a vice-presidência da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), ocorreu nesta sexta-feira (01), e trouxe novos rumos ao cenário político municipalista. Essa vitória representa não apenas a continuidade de uma gestão experiente, mas também a ascensão de uma nova liderança no cenário municipalista nacional.

Paulo Ziulkoski, que buscava a reeleição, é reconhecido por sua longa trajetória à frente da CNM e seu compromisso inabalável com os interesses dos municípios brasileiros. Sua gestão tem sido marcada por uma defesa incansável das demandas municipais, buscando fortalecer o municipalismo e promover políticas públicas que atendam às necessidades das comunidades locais.

Por sua vez, Ivo Rezende emergiu como uma nova liderança no cenário municipalista, trazendo consigo a representatividade dos municípios maranhenses e o apoio de gestores de todo o país. Sua eleição para a vice-presidência da CNM promete ampliar o diálogo entre os municípios e as esferas governamentais, buscando soluções efetivas para os desafios enfrentados pelas administrações locais.

A disputa eleitoral na CNM refletiu a importância do municipalismo na agenda política nacional e a necessidade de uma liderança forte e comprometida com os interesses dos municípios brasileiros. Tanto Paulo Ziulkoski quanto Ivo Rezende apresentaram propostas e visões distintas para a gestão da entidade, oferecendo aos gestores municipais a oportunidade de escolherem o rumo que melhor representasse suas aspirações e necessidades.

A eleição para a nova diretoria da CNM foi acirrada, com os candidatos mobilizando apoio e articulando alianças em busca da vitória. No entanto, independente do resultado, o importante é que a entidade permaneça como um espaço de representação legítima dos municípios brasileiros, contribuindo para o fortalecimento do pacto federativo e o desenvolvimento local em todo o país.

A votação ocorreu de forma on-line no site da CNM, durante toda a sexta-feira (01), das 8h às 18h, garantindo 2.088 votos para a chapa vencedora. Agora, com a eleição concluída, os gestores municipais aguardam com expectativa os próximos passos da nova diretoria, confiantes no compromisso com a causa municipalista.

Deputado Rafael solicita criação de um novo Batalhão da PM para Timon

Também por solicitação do parlamentar, acontecerá em Timon a Operação Força Total, que terá o apoio das Forças Estaduais de Segurança Pública
Foto: Kristiano Simas 
Na sessão desta quinta-feira (29), o deputado Rafael (PSB) confirmou o envio de uma Indicação ao governo do Estado, solicitando a criação de mais um Batalhão de Polícia Militar em Timon. Com uma demanda crescente na área de Segurança Pública, visto a amplitude da cidade e por fazer parte da Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina, Timon necessita urgente de um novo Batalhão.

Segundo o deputado, Timon tem características distintas se comparada a outras cidades do Maranhão. É uma área de divisa entre dois estados e, por causa do grande fluxo diário de pessoas e veículos, se torna vulnerável para ações criminosas. Durante seus mandatos, Rafael tem investido trabalho e recursos para melhorar a qualidade de vida dos timonenses. Na Segurança Pública, o deputado confirmou, ainda durante seu pronunciamento, o envio de viaturas, motos e aumento, sempre que possível, do efetivo policial para o município.

O novo Batalhão, solicitado pelo deputado Rafael, visa atender, prioritariamente, os bairros Cidade Nova, Parque Alvorada, Vila do BEC, Joia, Sucessão e entorno. Na Indicação, o deputado Rafael justifica a solicitação com a necessidade de “intensificar e fortalecer a presença do policiamento ostensivo, melhorando a capilarização do serviço de Segurança Pública, respeitando a demanda por regiões e o planejamento do estado”.

Operação Força Total

Ainda nesta quinta-feira, por solicitação também do deputado Rafael, acontecerá em Timon a Operação Força Total, que terá o apoio das Forças Estaduais de Segurança Pública (FEISP), Batalhão de Operações Especiais (BOPE), Choque e do 11º Batalhão de Polícia Militar de Timon.

quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024

Caxias: Esquadrão Águia da PM consegue evitar que jovem se jogasse da ponte

A guarnição do Esquadrão Águia, da Polícia Militar de Caxias, composta pelo Cabo Brener e pelos soldados Igor e Maia, fazia rondas nesta terça-feira (27) pelo Centro da cidade, e ao se aproximar da Ponte de Cimento, avistou uma jovem mulher em pé, parada próxima às laterais.

Os policiais militares aproximaram-se da jovem de forma cautelosa e perguntaram o que ela fazia naquele local. Chorando muito, ela revelou aos policiais que tinha o propósito de pular da ponte, mas o pior foi impedido durante o diálogo realizado pelo militar Brener.

A jovem, de iniciais E.S.C. e 21 anos, é moradora do povoado Mandacaru, no município de Matões, e disse que tinha pego uma carona em um caminhão até Caxias. Após toda a ação policial, ela foi levada para o Hospital Geral de Caxias para cuidados médicos. Com informações do site Roberto Maia.

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024

Última parcela do FPM de fevereiro será transferida na quinta-feira (29)

Última parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de fevereiro será transferida nesta quinta-feira, 29 de fevereiro. O valor total será de R$ 4.830.429.543,58 ou de R$ 3.864.343.634,86, com a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O montante é parte da arrecadação do Imposto de Renda e Imposto Sobre Produtos Industrializados (IR e IPI) de 11 e 20 deste mês.

Levantamento da área de Estudos Técnicos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) indica que este terceiro repasse do FPM será 35,09% maior que o montante repassado no mesmo período do ano passado. O resultado positivo deste último decêndio fica em 30,35%, desconsiderando a inflação do período. No mês de fevereiro, as prefeituras receberam R$ 22,7 bilhões, 13,70% a mais do que os R$ 19,9 bilhões repassados no mesmo mês de 2023. O crescimento acima da inflação do período foi de 9,71%.

Entre janeiro e fevereiro, os Municípios receberam R$ 39,4 bilhões. Há um ano, o montante era de R$ 34,8 bilhões. Para a CNM, o crescimento do fundo é resultado da expansão da arrecadação de Imposto de Renda Retido na Fonte e do Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRRF e IRPJ). “Do acréscimo de R$ 20,5 bilhões da receita base do FPM neste ano, R$ 17,5 bilhões (85,6%) deve-se ao aumento de arrecadação dos dois impostos”, explica o levantamento da entidade.

R$ 1,3 bilhão
O fenômeno mostra o impacto da arrecadação nacional na capacidade da gestão municipal, alertado mensalmente pela Confederação. O resultado positivo do Fundo vem do recolhimento maior de IRRF do capital, em função do aumento de arrecadação da tributação de fundos exclusivos; e do IRPJ de empresas financeiras, em especial a tributação de lucro dos bancos. “O aumento da base de IR e IPI foi de R$ 5,6 bilhões, dos quais R$ 1,3 bilhão foram convertidos a mais para o FPM”, destaca o levantamento.

Confira AQUI a partilha do montante entre os Municípios, considerando a quantidade de quotas trazidas pela Lei Complementar 198/2023. Da Agência CNM de Notícias.

terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

OLX é condenada a indenizar mulher que teve perfil falso criado na plataforma

Foto divulgação 

A Bom Negócios Atividades de Internet LTDA (OLX) deverá indenizar uma mulher que teve um perfil falso criado na plataforma. Conforme sentença do 7º Juizado Especial Cível e das Relações de Consumo de São Luís, a empresa deverá pagar à mulher, a título de danos morais, a quantia de 3 mil reais. Na ação, a requerente relatou que, em 24 de março de 2023, tomou conhecimento de que haviam criado um perfil falso utilizando seus dados pessoais na plataforma OLX, para aplicar golpes em terceiros. Mencionou que apenas soube da existência de tal conta, quando uma das vítimas entrou em contato com o escritório de seu marido, questionando sobre uma locação, intermediada pelos fraudadores.

Na oportunidade, a demandante recebeu diversos documentos utilizados na ação fraudulenta, onde constava uma foto antiga de sua família, e-mail e telefones que ela  desconhece, e um contrato no qual havia uma suposta assinatura sua, como procuradora do locador. Alega que entrou em contato com a OLX, informando sobre o acontecido. Frisou que, inclusive, já havia criado há alguns anos, uma conta na plataforma utilizando o seu e-mail, e que isto deveria ter sido detectado nas verificações de segurança do aplicativo.

A autora ressalta que “os transtornos causados pela facilitação da criação de conta falsa com seus dados impõe à ré o dever de reparar o dano moral experimentado, tendo o direito de receber uma indenização pela situação inesperada de intranquilidade, de abalo moral e pela angústia, ao perceber que seu nome e foto estavam sendo utilizados para aplicar golpes, afetando sua credibilidade”. Diante da situação, entrou na Justiça, requerendo a condenação da OLX ao pagamento de indenização por danos morais. Em contestação, a requerida afirmou que não participa das negociações entre seus usuários e não tem responsabilidade de controle e fiscalização prévia dos anúncios publicados por terceiros. No mérito, alegou que não praticou nenhum ato ilícito, pois não participou em momento algum do suposto crime praticado por terceiros, e ainda, que a responsabilidade pelos anúncios lançados no sistema é exclusiva dos usuários.

CADEIA DE CONSUMO

Por fim, a demandada mencionou que tomou as medidas apropriadas em resposta à situação, excluindo a conta do usuário, e defende que, no caso, está afastada a sua responsabilidade. “Inicialmente, considerando que trata-se de demanda consumerista e que estão presentes os requisitos do Código de Defesa do Consumidor, inverto o ônus da prova (…) A requerida integra a cadeia de consumo e, portanto, na forma do Código de Defesa do Consumidor, é responsável solidária pelos eventuais prejuízos causados ao consumidor de seus serviços (…) No caso em questão, verifica-se como verídica a utilização indevida dos dados da requerente para abertura de perfil junto ao aplicativo demandado, tanto é assim, que após a solicitação da autora, a conta falsa foi desativada”, observou a juíza Maria José França.

Ela entendeu que a plataforma requerida, ao lançar-se no mercado como prestadora de serviços, deve estar ciente da responsabilidade que assume, em especial com os anúncios que são veiculados em sua plataforma, que pelo seu porte, é bastante utilizada, em especial, por considerar ser um meio seguro para realizar contatos. “Ocorre na situação narrada, a requerida falhou com o seu dever de providenciar a segurança a que faz jus o consumidor (…) Sem os cuidados devidos, a demandada permitiu que terceira pessoa utilizasse nome, imagem e CPF da autora sem que fosse requerido daquela, a mínima comprovação de que era a verdadeira titular das informações pessoais”, pontuou.

E prosseguiu: “Mesmo sem a verificação devida, o perfil falso, com publicações enganosas, permaneceu em atividade, até que fosse denunciado pela autora (…) A fragilidade na verificação dos dados inseridos pelo usuário, restou ainda mais demonstrada no depoimento do representante da ré, afirmando que a verificação da conta depende unicamente da vontade do usuário, ou seja, é possível manter a conta ativa e realizar negociações, sem que se constate a veracidade das informações inseridas (…) Inegável que a requerida atuou de forma defeituosa, sem proporcionar a segurança devida em sua plataforma, evidenciando a falha na prestação de serviços que enseja a sua responsabilização, na forma do CDC”.

Para o Judiciário, os fatos atingiram de maneira direta a requerente, prejudicando-lhe, inclusive, a imagem profissional, já que nas negociações realizadas pelos fraudadores, a requerente, sem saber, foi apresentada como procuradora do suposto locador, com inserção de sua inscrição na OAB. “A situação a que foi exposta, não pode ser entendida como mero aborrecimento, mas verdadeira violação aos direitos da personalidade da autora, por ter seu nome veiculado em falsa propaganda, inclusive sendo contatada pelas vítimas do golpe, gerando assim, surpresa e constrangimento”, finalizou, decidindo pela procedência do pedido da autora. As informações são da Assessoria de Comunicação Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão.

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Iracema Vale discute problemas ocasionados por agrotóxicos com Comissão Nacional de Enfrentamento à Violência no Campo

Presidente da Alema participou da reunião ao lado do deputado Roberto Costa. Foram apresentadas propostas a serem apreciadas pela Comissão de Meio Ambiente
A presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputada Iracema Vale (PSB), reuniu-se, na última sexta-feira (23), ao lado do deputado Roberto Costa (MDB), com uma comitiva da Comissão Nacional de Enfrentamento à Violência no Campo. A visita teve como objetivo estabelecer parcerias em projetos de interesse comum e fortalecer os laços institucionais. 

Na pauta, foram discutidos os problemas associados ao uso de agrotóxicos e suas implicações na saúde, no meio ambiente e na vida dos trabalhadores rurais, comunidades e povos tradicionais. Foram apresentadas propostas aos parlamentares a serem encaminhadas e apreciadas pela Comissão de Meio Ambiente do Parlamento Estadual.

“Esse importante colegiado media e busca conciliação de casos de maior complexidade de conflitos socioambientais no campo e, nós, parlamentares, temos interesse em estreitar laços e ajudar no que estiver ao nosso alcance. Ouvimos atentamente as demandas e iremos estudá-las com muito comprometimento”, afirmou a chefe do Legislativo maranhense.

A coordenadora da Comissão, Cláudia Maria Dadico, agradeceu a cordialidade da presidente Iracema Vale. “Fomos muito bem recebidos e agradecemos pela parceria firmada. Trouxemos, ainda, outro assunto, que diz respeito à extinção da Comissão Estadual, mas saímos alegres e esperançosos ao ter conhecimento sobre a condução da Casa neste tema”.

Para o deputado Roberto Costa, é fundamental promover diálogos sobre a violência no campo. “São questões que afetam diretamente a vida das comunidades. Me coloco à disposição e parabenizo a presidente Iracema Vale por estar atenta a essa causa e por liderar iniciativas que visam garantir a segurança e o bem-estar dos trabalhadores rurais”, concluiu.

sábado, 24 de fevereiro de 2024

Em Timon, Governo realiza Cuidar de Todos Cirurgia, no Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco

Com o Programa Cuidar de Todos Cirurgia, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) iniciou, nesta sexta-feira (23), a realização de cirurgias de histerectomia (retirada de útero) e laqueadura (cirurgia de esterilização definitiva) no Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco, em Timon (MA).

“Este é o primeiro de uma série de mutirões que acontecerão aqui no hospital para zerar a fila de espera. Cada cirurgia realizada é uma vida transformada.  O Governo do Estado não tem poupado esforços para que todos os procedimentos possam ser realizados”, frisou a diretora geral do Hospital Alarico Nunes Pacheco, Ana Patrícia Bringel.

Os procedimentos terão continuidade neste sábado (24) e domingo (25). A previsão é a realização de 45 cirurgias nos três dias do Cuidar de Todos Cirurgia. Maria do Socorro de Araújo, de 65 anos, residente em Timon, foi assistida na ação. “Eu vou fazer hoje uma cirurgia de retirada de útero e estou agradecida da oportunidade. Estou sendo muito bem tratada”, disse.

O Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco, gerenciado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), oferece atendimentos nas áreas de obstetrícia, urgência e internação, ginecologia, cirurgia geral, cirurgia ginecológica, cirurgia pediátrica, cirurgia vascular, cirurgia urológica, cirurgia e ambulatório ortopédico, nefrologia, nutrição, psicologia, cardiologia (parecer e risco cirúrgico), ultrassonografia, radiologia, clinica medica (internação e ambulatório), pediatria (internação e ambulatório), regulação oncológica, anestesiologia e proctologia.

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Presidente da Famem e diretor-geral impulsionam representatividade em Brasília: encontro com prefeitos e convite para composição na CNM

Durante esta semana, o presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), Ivo Rezende e o diretor-geral, Miltinho Aragão, participaram de importantes agendas em Brasília. Os representantes da Famem marcaram presença em diversos eventos, destacando o papel essencial do escritório da entidade na capital federal.

O escritório da Famem em Brasília serviu como ponto de encontro para prefeitos e prefeitas de todo o estado do Maranhão, que participaram da cerimônia de posse do ministro Flávio Dino no Supremo Tribunal Federal (STF). Além de ser um espaço de acolhimento, tornou-se também um ambiente propício para diálogos e interações entre os gestores municipais, fortalecendo os laços e a representatividade do estado na esfera federal.

A participação ativa da Famem nesse momento histórico para o Maranhão ressalta seu prestígio e protagonismo no cenário político estadual e nacional.

Durante a estada em Brasília, o presidente Ivo Rezende recebeu um convite de grande destaque: compor a chapa “CNM Independente” com Paulo Roberto Ziulkoski, como vice-presidente, na próxima eleição da Confederação Nacional de um Municípios (CNM). O convite é um reconhecimento do trabalho e da liderança de Ivo Rezende, bem como da importância da Famem no contexto nacional participando da diretoria executiva da CNM.

Diante desses acontecimentos, fica evidente o papel fundamental da Famem como representante dos interesses dos municípios maranhenses, não apenas no estado, mas também em âmbito nacional.

Catulé Jr anuncia retirada de pré-candidatura a prefeito de Caxias e declara apoio a Paulo Marinho Jr

Anúncio ocorreu na noite desta quinta-feira (22) durante live realizada em suas redes sociais.
O anúncio ocorreu na noite desta quinta-feira (22) durante live realizada em suas redes sociais, ao lado do deputado federal Paulo Marinho Júnior (PL) e os vereadores Catulé (PRB) e Luís Lacerda (PCdoB). 

“Fui candidato à deputado estadual pelo Progressistas, mesmo partido da deputada Amanda Gentil, e fiquei na 1ª suplência. Ao longo de 2024 temos grande chance de assumir o mandato. Preciso da anuência do meu partido para concorrer a prefeito ou vice-prefeito, e a deputada Amanda e seu pai, Fábio Gentil, fizeram uma espécie de acordo com o presidente da legenda, André Fufuca, que não autorizou minha saída. Travei uma luta judicial para sair e até agora não consegui. Com a proximidade da data de escolha do candidato da oposição, 8 de março, após muitas reflexões, decidi retirar minha condição de pré candidato à prefeito”, anunciou.

Catulé Júnior reafirmou sua atenção com a Carta Compromisso assinada pelas lideranças da oposição e disse que continua defendendo os termos para que o grupo tenha apenas um candidato que possa reunir os sentimentos da população caxiense.

Apoio à pré-candidatura de Paulo Marinho Júnior

“Em ato contínuo, anuncio apoio ao nome de Paulinho pela oposição, sem nenhum demérito a Daniel e à Lycia, por conhecer a realidade de Caxias, os problemas e, o que é melhor, por Caxias também conhecer Paulinho. Precisamos ultrapassar questões cênicas e caricaturadas com um prefeito sério e comprometido, que tenha o que oferecer à cidade, alguém dotado de espírito público. Paulinho reúne essas qualidades”, declarou Catulé Júnior.

“Tenho uma admiração pela figura de Catulé Júnior, admiro seu trabalho, onde passou deixou uma marca, e tinha todas as condições de ser um prefeito, e por questões partidárias e pessoais, entre tantas opções, ele escolher a mim para representar esse sonho e desejo para mudar Caxias, fico muito honrado. Recebo um dos grupos mais fortes de Caxias com o coração cheio de alegria e grato porque sei que juntos faremos a mudança que a cidade necessita”, frisou Paulo Marinho Júnior.

As informações são do portal Noca.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Iracema Vale anuncia criação de Comissão Especial para acompanhar caso de navio encalhado em São Luís

Composta por Roberto Costa, Ricardo Seidel, Solange Almeida, Ricardo Rios, Fabiana Vilar e Janaína Ramos, Comissão vai tratar do caso do navio Forte de São Felipe, encalhado em São Luís

Foto: Biaman Prado 
A presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputada Iracema Vale (PSB), anunciou, na sessão plenária desta quarta-feira (21), a criação de uma Comissão Especial para tratar, especificamente, acerca do navio mercante Forte de São Felipe, que está encalhado no litoral de São Luís, transportando 22 mil toneladas de Bauxita.

“Ontem convocamos uma importante reunião com representantes da Alumar para debater sobre o assunto e, embora já exista um plano para o desencalhe do navio, que aguarda autorização da Marinha, é com grande compromisso com a preservação ambiental que anuncio a criação da Comissão Especial”, afirmou a chefe do Legislativo maranhense.

Segundo Iracema Vale, a Comissão Especial é composta pelos deputados Roberto Costa (MDB), Ricardo Seidel (PSD), Solange Almeida (PL), Ricardo Rios (PCdoB), Fabiana Vilar (PL) e Janaína Ramos (Republicanos), que trabalharão em estreita colaboração com as autoridades competentes e especialistas da área.

“Contamos com a participação ativa da sociedade civil, das instituições e de todos os envolvidos para enfrentarmos esse desafio com compromisso. A Comissão irá garantir que todas as medidas necessárias sejam tomadas de forma responsável e transparente. Juntos, podemos proteger e preservar o meio ambiente do nosso Maranhão”, concluiu a parlamentar.

terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

‘Café com Notícias’ ressalta o Fevereiro Laranja, mês de conscientização sobre a leucemia

Médico hematologista Yuri Nassar, que é chefe da Unidade de Hematologia e Hemoterapia do HU-UFMA, falou sobre o assunto
Foto: Miguel Viegas
O programa ‘Café com Notícias’, da TV Assembleia, nesta segunda-feira (19), conversou com o médico hematologista Yuri Nassar, que é chefe da Unidade de Hematologia e Hemoterapia do HU-UFMA. O especialista falou sobre o Fevereiro Laranja, mês de conscientização sobre a leucemia, um dos tipos de câncer mais frequentes no Brasil.

O hematologista Yuri Nassar ressaltou a importância da doação de medula óssea, destacando que a estimativa é de 11,5 mil novos casos em 2024.

“O doador possibilita que uma pessoa com um quadro de leucemia de prognóstico desfavorável possa realizar um transplante. Dessa forma, muitos pacientes conseguem se curar. Quanto mais doadores cadastrados, maior a possibilidade de se encontrar um doador ideal”, afirmou.

De acordo com o médico, são conhecidos hoje mais de 20 tipos de leucemias, das quais algumas podem ser assintomáticas e outras agudas, com uma evolução rápida. Daí a importância de realizar anualmente um hemograma, que é um exame que vai permitir ao médico identificar a possibilidade de existência da doença.

“As leucemias são cânceres do sangue, principalmente relacionados às células da imunidade, que são os leucócitos, onde elas ganham uma capacidade de se multiplicar exageradamente, e assim perdem o controle. Essas células, que estão em todo o nosso sangue, vão afetar e causar diversos sintomas em qualquer órgão”, detalhou.

Yuri Nassar também alerta para a presença de alguns sintomas que devem ser observados com atenção, como perda de peso inexplicada; suor noturno; febre; presença de ínguas em regiões como a axila, pescoço, virilha; sangramentos anormais; cansaço e fadiga.

Para ser doador de medula óssea é preciso que a pessoa faça um cadastro no Registro Brasileiro de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome). Para isso, é necessário ter entre 18 e 35 anos, estar em bom estado geral de saúde e não ter doença infecciosa ou incapacitante. Após o cadastro. são coletados 5 ml de sangue que será analisado e ficará cadastrado no banco nacional de doadores.

Apresentado pela jornalista Elda Borges, o programa ‘Café com Notícias’ é exibido de segunda a sexta-feira, às 9h, na TV Assembleia (canal aberto digital 9.2; Maxx TV, canal17; e Sky, canal 309).

Clique AQUI e assista à íntegra da entrevista