Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

sábado, 21 de maio de 2022

Câmara de Afonso Cunha rejeita título de cidadania ao senador Weverton

Essa vai ficar para a história política do Maranhão e quem sabe até do Brasil pois não é um fato comum. A maioria do vereadores de Afonso Cunha rejeitaram nesta sexta-feira (20), o título de cidadão afonso-cunhense para o senador Weverton Rocha.

Segundo informações, a ideia desse título de cidadania teria partido do prefeito de Afonso Cunha, Arquimedes Bacelar mas o mesmo não tem maioria na Câmara Municipal e sua base política se resume apenas a 4 vereadores e precisava de 6 votos, com isso não conseguiram aprovar no plenário. O vereador governista Welinton Cabeção foi quem deu entrada na Casa nesse título de cidadania.

“Por falta de transparência  do governo  municipal dos recursos enviado pelo senador, pela falta  de respeito com os professores, pela desvalorização dos agricultores familiares, pela não transparência dos recursos dos precatórios, por não repassar integralmente o repasse da Câmara”, disse o vereador Zico Bento ao justificar o voto negando a homenagem ao senador Weverton Rocha.

Se caso fosse aprovado esse título de cidadania para o senador Weverton Rocha a entrega iria acontecer neste sábado (21), já que ele vai está em Afonso Cunha para um evento político.

Confira AQUI o vídeo da sessão que rejeitou o título de cidadania afonso-cunhense ao senador Weverton Rocha.

quinta-feira, 19 de maio de 2022

Pleno do TCE-MA suspende pagamentos à fornecedora de medicamentos do município de Raposa

Em decisão tomada pelo pleno do TCE-MA na sessão ordinária desta quarta-feira, 18, foi aceita cautelar pleiteada pelo Ministério Público de Contas (MPC) para determinar ao município de Raposa-MA e à Secretaria Municipal de Saúde daquela cidade a suspensão de pagamentos à empresa Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos Ltda.

O pedido de cautelar e consequente voto favorável levam em conta que essa empresa está sendo investigada como parte de uma organização criminosa e teve as contas bancárias bloqueadas e suspenso o direito de contratar com o Poder Público.

Essa suspensão decorre de processo criminal no qual foi identificado que a empresa representada é parte de uma organização criminosa que obtém contratos ilicitamente em municípios do Estado do Maranhão e, após ser contratada, declara fornecimento fictício de medicamentos ou superfatura o valor dos medicamentos fornecidos, utilizando parte dos valores recebidos para pagar propina aos gestores municipais, distribuindo, ainda, dinheiro para os integrantes da organização criminosa por meio de empresas de fachada controladas pelos envolvidos no esquema, e há indicativos de que as fraudes ocorram em outros municípios.

O voto do conselheiro Caldas Furtado também determinou que sejam ouvidos o Município de Raposa-MA, o Senhor Romilson Lopes Froes, Secretário Municipal de Saúde de Raposa-MA, e o representante da Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos Ltda. no prazo de 15 dias. A mesma cautelar determina ainda a realização de inspeção in loco para fiscalizar a execução do contrato entre o municio e a distribuidora. As informações são do TCE-MA.

quarta-feira, 18 de maio de 2022

STF invalida normas de três estados que ampliavam foro por prerrogativa de função

As ações julgadas procedentes referem-se a dispositivos das Constituições do Rio de Janeiro, de Mato Grosso do Sul e do Maranhão
O Supremo Tribunal Federal (STF), na sessão virtual finalizada em 13/5, declarou inconstitucionais dispositivos das Constituições dos Estados do Rio de Janeiro, de Mato Grosso do Sul e do Maranhão que atribuíam foro por prerrogativa de função a agentes públicos como defensores públicos, procuradores estaduais e delegados de polícia. Em seu voto, o relator das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs) 6505, 6507 e 6509, ministro Nunes Marques, reafirmou a jurisprudência do Supremo de que as Cartas estaduais não podem criar, de forma indiscriminada, hipóteses de foro especial que não estejam previstas na Constituição Federal.

As ações foram ajuizadas pelo procurador-geral da República, Augusto Aras. No caso do Rio de Janeiro (ADI 6505), a Constituição determinava que membros da Defensoria Pública, procuradores do estado, procuradores da Assembleia Legislativa e delegados de polícia fossem processados e julgados originariamente pelo Tribunal de Justiça nos crimes comuns e de responsabilidade. Na ADI 6507, Aras contestava dispositivo da Constituição de Mato Grosso do Sul que tinha a mesma previsão para o defensor público-geral do estado, os procuradores do estado e os membros da Defensoria Pública. No caso do Maranhão (ADI 6509), a Constituição estadual atribuía a prerrogativa ao defensor público-geral do estado.

Parâmetro seguro

O ministro Nunes Marques explicou que a Constituição Federal atribuiu ao constituinte estadual a competência para organizar a Justiça local. Por esse motivo, segundo seu entendimento, não se trata de desprestigiar as funções exercidas pelos agentes públicos descritos nas normas impugnadas, mas de estabelecer um parâmetro seguro para evitar a ampliação da prerrogativa de foro, que visa garantir o exercício autônomo e independente da função pública, "sem os assombros de retaliação futura”.

Ele explicou que a Constituição Federal não atribui, por exemplo, foro especial aos advogados da União e das Casa do Congresso Nacional, aos defensores públicos ou aos delegados da Polícia Federal. "Não se cuidando, portanto, de discricionariedade conferida ao constituinte estadual, é incompatível com a Carta de 1988 a extensão do foro por prerrogativa de função, cuja previsão é excepcional, a autoridades não albergadas pela disciplina federal", concluiu.

Modulação de efeitos

Em razão da segurança jurídica e do fato de as normas terem produzido efeitos por anos, os efeitos da decisão foram modulados, e a declaração de inconstitucionalidade terá efeitos a contar da decisão, resguardando a validade jurídica de situações consolidadas e as decisões definitivas. As informações são do STF.

terça-feira, 17 de maio de 2022

Força política de Fábio Gentil traça caminho para desenvolvimento da região dos cocais

A passagem de Fábio Gentil pelas cidades do interior do Maranhão, vem acompanhada da força política do prefeito, que tem estabelecido alianças em várias regiões. O gestor que está no segundo mandado da gestão é exemplo de desenvolvimento na cidade de Caxias, logo um modelo de administração para os demais prefeitos, especialmente da região leste. 

Em uma clara demonstração de prestígio e credibilidade, Fábio Gentil vem conseguindo reunir lideranças políticas, e apoio para as pré-candidaturas de Amanda Gentil à Câmara Federal e Daniella para a Assembleia Legislativa do estado do Maranhão. 

A força política também é notada na relação estabelecida com o governador Carlos Brandão. Fruto disso foi a expansão dos atendimentos em saúde no Hospital Macrorregional, onde pelo menos três mutirões voltados para a saúde dos olhos foram realizados só este ano, beneficiando toda a região, em especial os caxienses. Além disso, recentemente foi anunciada a construção de uma policlínica para Caxias que vai ofertar atendimentos em diversas áreas e equipe multiprofissional.

Fábio Gentil também tem contribuído, com decisões certeiras, para o jogo político das eleições estaduais e tem trabalhado com os olhos voltados para a cidade de Caxias e região. Um exemplo disso são todas as obras entregues por meio da parceria entre estado e município. 

O prefeito Fábio Gentil diz que só dessa forma é possível trazer investimentos para uma região.

“O sucesso de uma gestão é fruto do alinhamento de uma grande equipe. Me preocupo em desenvolver a nossa região, porque assim teremos recursos e obras ainda maiores. Toda força política é necessária, sobretudo o apoio de nossos deputados, que hoje não temos”, disse Fábio Gentil.

segunda-feira, 16 de maio de 2022

MP recomenda ao município de Afonso Cunha dotar o Conselho Tutelar de condições de funcionamento

Imagem mostra o veículo do Conselho Tutelar em condições precárias
O Ministério Público do Maranhão emitiu Recomendação, com data deste domingo, 15, ao prefeito de Afonso Cunha, Arquimedes Bacelar, para que sejam garantidas condições adequadas de funcionamento ao Conselho Tutelar do município. No documento, entregue nesta segunda-feira ao gestor municipal, foi fixado o prazo máximo de 30 dias, a contar do recebimento, para que seja destinada ao Conselho Tutelar uma sede adequada, temporariamente, em prédio desvinculado dos órgãos municipais, de forma a garantir condições de acessibilidade e privacidade, até que se providencie o prédio próprio.

A Recomendação, de autoria da titular da 2ª Promotoria de Justiça de Coelho Neto, Elisete Pereira dos Santos, orientou que, no prazo máximo de 45 dias, o Conselho Tutelar seja dotado de estrutura necessária ao seu bom funcionamento, constituída, no mínimo, por uma recepção, três salas reservadas (uma para atendimento individualizado, uma para reunião dos conselheiros e uma para os serviços administrativos), banheiro, cozinha, escrivaninhas e respectivas cadeiras em número suficiente, inclusive para o público poder aguardar o atendimento de forma confortável.

Foi requerida, ainda, a disponibilização de um auxiliar administrativo e um auxiliar de serviços gerais para realizar a limpeza do local, bem como assistente social e psicólogo, para prestarem assessoramento técnico aos conselheiros tutelares.

O Ministério Público também recomendou ao Município de Afonso Cunha que coloque, imediatamente, à disposição do Conselho Tutelar, diariamente e de forma exclusiva, um automóvel novo, com motorista, para possibilitar o cumprimento das diligências. Além disso, a administração municipal foi orientada a fornecer ao órgão de defesa da criança e do adolescente material de expediente, como armário para arquivo, quadro de avisos, máquina fotográfica, papel, carimbos, grampeadores, perfuradores, caneta, lápis, borracha, perfurador, porta-lápis, cola, tesoura, dentre outros.

A promotora de justiça Elisete Pereira dos Santos destaca que, de acordo com a Resolução 70 do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), cabe ao Poder Executivo municipal fornecer ao Conselho Tutelar os meios necessários para sistematização de informações relativas às demandas e deficiências na estrutura de atendimento à população de crianças e adolescentes.

Por esse motivo, a representante do Ministério Público requereu que o Município envie à Câmara de Vereadores proposta orçamentária que contemple a previsão dos recursos necessários ao funcionamento do Conselho Tutelar, mediante prévia consulta aos membros do referido órgão.

O não cumprimento da Recomendação, dentro dos prazos estipulados, motivará a adoção das medidas judiciais cabíveis.

VISITA TÉCNICA

Segundo a promotora de justiça, a Recomendação foi elaborada após visita técnica realizada pela 2ª Promotoria de Justiça à atual sede do Conselho Tutelar de Afonso Cunha, na última sexta-feira, 13, com a finalidade de apurar as deficiências na infraestrutura e as más condições de funcionamento do órgão.

Conforme relatório da vistoria, foi constatado que o veículo e uma motocicleta pertencentes ao conselho encontram-se totalmente sucateados. O carro, que foi obtido por meio de uma parceria com o Governo Federal, no ano de 2015, está parado na garagem municipal, e a motocicleta sequer tem placa. “Tornando ainda mais grave a situação, os conselheiros alegaram que jamais tiveram acesso direto aos citados veículos, tendo sempre que pedir autorização ao secretário de Transporte para utilizá-los, fato que tem prejudicado e retardado o atendimento de crianças e adolescentes em situação de risco”, relatou Elisete Pereira dos Santos.

Além de atenderem em uma sala de 9 m², que funciona ao lado da funerária municipal, entre outras graves irregularidades, os conselheiros realizam as diligências em seus veículos particulares e não têm telefone móvel ou fixo, utilizando seus próprios aparelhos. As informações são do MPMA.

domingo, 15 de maio de 2022

Mutirão do Glaucoma realiza mais de 250 atendimentos em Caxias

Em mais uma parceria da Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e do Governo do Estado, foi realizado nesse sábado (14), no Hospital Regional de Caxias Dr. Everaldo Ferreira Aragão, o Mutirão do Glaucoma. Foram disponibilizadas consultas preventivas e para diagnóstico da doença, além da reavaliação para os pacientes já diagnosticados com glaucoma e a distribuição de medicamentos.

O glaucoma não possui cura, mas ele pode ser tratado e controlado com colírios, além de cirurgia. Com o acompanhamento médico e uso das medicações evita-se a perda da visão, uma vez que a pressão do olho é estabilizada.

O médico oftalmologista, Marcos Coutinho, explicou a importância das avaliações preventivas e para diagnóstico da doença. “O glaucoma é uma doença, na maioria das vezes crônica, que acomete o nervo óptico e que geralmente não apresenta sintomas, por isso a importância de estarmos aqui hoje. Os pacientes podem evoluir sem sintoma nenhum e por isso só sentirem alguma coisa, como dor ou dificuldade para enxergar, no estágio final da doença. Aqueles que têm histórico na família ou outros fatores de risco como pressão alta nos olhos, raça negra, histórico de miopia, devem fazer esse check-up com mais frequência e nós estamos aqui justamente para prevenir e tratar a doença”, frisou.

“Hoje chegamos aqui e encontramos muitos pacientes, acredito que por conta da grande divulgação feita pelo município e ficamos muito felizes por que sabemos que os pacientes irão fazer sua avaliação e irão receber seus medicamentos”, comentou Rosana Fonseca, representante da Secretaria de Estado da Saúde.

Ermando Filho, diretor geral do Hospital Regional de Caxias Dr. Everaldo Ferreira Aragão, destacou a parceria entre a Prefeitura de Caxias e o Governo do Estado. “O município de Caxias ganhou muito com a parceria do Governo do Estado do Maranhão com o prefeito de Caxias, Fábio Gentil, pois agora Caxias vai despontar na área da saúde. A gente fez o Mutirão da Catarata e Pterígio que foi um sucesso e agora esse Mutirão do Glaucoma, que também está sendo um sucesso. Foram realizados entre 250 a 300 atendimentos, da triagem daqueles pacientes que não tem diagnóstico de glaucoma, aqueles que já têm diagnóstico serão feitas reavaliação da consulta, se possível um reajuste da medição e até mesmo um encaminhamento para uma cirurgia, caso seja necessário”, disse.

Fábio Gentil, prefeito de Caxias, também ressaltou a parceria entre a Prefeitura de Caxias e o Governo do Estado do Maranhão. “Neste momento estamos no Hospital Regional de Caxias fazendo mutirão de glaucoma, dando a possibilidade das pessoas com esse problema de terem uma visão adequada. O município de Caxias investe nisso, junto com o Governo do Estado do Maranhão, apoiado pelo nosso governador, Carlos Brandão, que tem contribuído e aberto as portas para Caxias”, frisou.

Maria Ivonete, aproveitou a oportunidade do mutirão e falou sobre a ação. “Eu tenho histórico familiar da doença e acho maravilhoso a oferta desse serviço aqui, porque dá oportunidade para todos se tratarem”, ressaltou.

“Já fui operado duas vezes de catarata, mas continuo enxergando embaçado e por isso vim aproveitar essa consulta para tentar resolver porque a visão é essencial na nossa vida”, comentou Francisco Barroso, que esteve na ação.

sábado, 14 de maio de 2022

SEBRAE promove a 13ª Semana do MEI acontece de 16 a 20 de maio em todo o MA

Inscrições são gratuitas e já estão abertas nas unidades do Sebrae e Salas do Empreendedor
A Semana MEI, promovida anualmente pelo Sebrae para oferecer uma programação ampla de oficinas, palestras e atendimento especializado para os microempreendedores individuais (MEI), acontece a partir desta segunda-feira, 16, em todo o Brasil. Até sexta-feira, 20, as atividades serão oferecidas gratuitamente em todas as unidades regionais do Sebrae no estado, nas Salas  Empreendedor e em espaços de parceiros institucionais. 

No Maranhão, serão promovidas cerca de 400 ações gratuitas em 97 municípios da área de abrangência das 12 regionais do Sebrae no estado. São palestras, oficinas, consultorias, cursos, atendimento individualizado e orientação empresarial ao MEI e, em São Luís, o diferencial é a oferta de mentorias.

Em cada dia da Semana do MEI 2022, o empreendedor vai acompanhar atividades para se inspirar, inovar, planejar os negócios, cuidar das finanças e vender mais e favorecer a abertura de novos pequenos negócios e capacitação 

Em Caxias, Timon e Chapadinha, o Sebrae conta com na programação com oficinas e consultorias. O evento acontece em parceria com a Sala do Empreendedor.  

Sobre o MEI
Atualmente, o Brasil conta com pouco mais de 13,8 milhões de donos de pequenos negócios formalizados como MEI por todo o país. No Maranhão, são 165 mil MEIS cadastrados (dados do dia 30/04), sendo 56,1 mil em São Luís e 14,5 mil em Imperatriz, os dois municípios de maior concentração de empreendedores cadastrados nessa pessoa jurídica.   

O Sebrae acredita que a Semana do MEI 2022 será uma grande oportunidade para o microempreendedor individual buscar capacitação e conhecimento para a retomada dos negócios, de forma mais sustentável, no período pós-pandemia. 

“Foram dois anos muito difíceis para os empreendedores em geral e os MEIs, em particular. Por isso, preparamos um evento completo, pois sabemos dos desafios do dia a dia para o MEI e acreditamos no potencial dos empreendedores para uma retomada sustentável de seus negócios”, coloca o diretor técnico do Sebrae estadual, Mauro Borralho de Andrade, comentando que o MEI recebe uma atenção especial do Sebrae por, geralmente, começarem na informalidade, sem planejamento e pouco conhecimento sobre a gestão do negócio.

Assembleia concede Medalha Manuel Beckman aos desembargadores José Jorge e José Joaquim Figueiredo dos Anjos

Foto: JR. Lisboa/ Agência Assembleia
Em sessão solene realizada na manhã desta sexta-feira (13), a Assembleia Legislativa do Maranhão concedeu a Medalha do Mérito Legislativo ‘Manuel Beckman’ aos desembargadores José Jorge Figueiredo dos Anjos, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE/MA), e José Joaquim Figueiredo dos Anjos, diretor da Escola Superior da Magistratura  do Estado do Maranhão (ESMAM).

O presidente da Casa, deputado Othelino Neto (PCdoB), que presidiu a solenidade, é o autor das proposições concedidas por meio das Resoluções Legislativas 861/2018 e 891/2018, originárias dos Projetos de Resolução Legislativa nº 047/2017 e 046/2018.

Além dos homenageados, compuseram a mesa de honra o desembargador Marcelino Chaves Everton, representando o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Paulo Vélten; a vice-presidente do TRE/MA, desembargadora Ângela Salazar; o procurador geral de Justiça do  Maranhão, Eduardo Nicolau; a segunda vice-presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMAM), Suely de Oliveira Santos; e o presidente da OAB/MA, Kaio Saraiva.

Reconhecimento

Em seu pronunciamento, o presidente da Assembleia disse que os homenageados têm muitos serviços prestados ao Maranhão.

“Na verdade, esta é uma homenagem que a Assembleia presta a todo o Poder Judiciário do Maranhão em reconhecimento aos serviços prestados ao povo maranhense. É um ato que simboliza o respeito que esta Casa nutre pelo Judiciário, ao mesmo tempo, reafirma a relação harmônica entre os poderes constituídos do Estado do Maranhão. Nós temos convicção de que as instituições necessitam ser fortalecidas e que os poderes precisam estabelecer uma relação harmônica, pois quem ganha com isso é a sociedade”, afirmou Othelino Neto.

Agradecimentos

“O bom nome vale mais que do que as muitas riquezas; e o ser estimado é melhor do que ter prata e ouro” (Provérbios; 22-1). Com essas palavras iniciais, o desembargador José Jorge agradeceu a comenda. “Ela provém do reconhecimento do Parlamento Estadual pelos longínquos serviços prestados aos maranhenses. Agradeço à Assembleia pelo reconhecimento de nosso trabalho”,

José Jorge compartilhou a honraria com os seus familiares e revelou ter sido surpreendido. “A homenagem surpreendeu-me e alegrou o meu coração por ser fruto da semeadura empreendida na carreira que resolvi seguir. Esta comenda impõe a responsabilidade de ontem e de todo sempre de conduzir-me com respeito e ética, mantendo-me sempre digno de tamanha honraria”, completou.

“Ser agraciado com a Medalha do Mérito Legislativo Manuel Beckman muito me orgulha e é paradoxal, uma vez que todas as minhas atitudes sempre tiveram uma conotação impessoal, motivada pela defesa intransigente dos princípios constitucionais e de preceitos de caráter universal. Receber essa comenda implica dizer que estou trilhando o caminho correto. Agradeço a Assembleia a concessão dessa honraria, que me provoca orgulho e gratidão”, afirmou o desembargador José Joaquim Figueiredo em seu pronunciamento.

Merecimento

Participaram também do evento, dentre outras autoridades, os deputados Wellington do Curso (PSC) e Pará Figueiredo (PL), filho e sobrinho dos homenageados; o vereador Francisco Carvalho (PSC), de São Luís, além de familiares, convidados, amigos, dirigentes da Assembleia, membros da magistratura e dezenas de advogados.

O deputado Wellington do Curso disse que a concessão das medalhas aos homenageados mostra o respeito que o Poder Legislativo Estadual tem pelo Poder Judiciário e, ao mesmo tempo, o carinho e reconhecimento do trabalho prestado ao povo maranhense por ambos desembargadores.

O deputado Pará Figueiredo disse ser um momento de muita emoção e orgulho. “Meu pai (José Joaquim) e meu tio (José Jorge) são merecedores dessa homenagem pelos serviços prestados ao Maranhão. Agradeço aos meus pares pelo reconhecimento”, frisou.

O vereador Francisco Carvalho disse ser uma justa homenagem. “São dois magistrados competentes e estudiosos. Nada mais justo do que esse reconhecimento”.

Kaio Saraiva disse também ser um justo reconhecimento ao serviço prestado por ambos ao Poder Judiciário e à sociedade maranhense. “Parabenizo o presidente da Assembleia por essa inciativa”, acrescentou.

sexta-feira, 13 de maio de 2022

Roseana Sarney quer MDB apoiando Lula

Se Simone Tebet não for candidata, MDB do maranhão apoiará Lula da Silva
Foto: Adi Leite / Agência O Globo
A ex-governadora Roseana Sarney, presidente regional do MDB, está aguardando o desenrolar das articulações para a definição do partido em relação à corrida presidencial, na qual a senadora mato-grossense Simone Tebet se movimenta para ser candidata do partido ao Palácio do Planalto.

O MDB está dividido, com uma corrente defendendo o lançamento de uma candidatura própria – no caso Simone Tebet -, e a candidatura do ex-presidente Lula da Silva (PT). Tanto Roseana Sarney quando seu pai, o ex-presidente José Sarney, apoiam a candidatura de líder petista, que no Maranhão tem também o apoio do governador Carlos Brandão, do ex-governador Flávio Dino e ainda do senador Weverton Rocha (PDT). Corre nos bastidores que, caso Simone Tebet não saia candidata ao Palácio do Planalto, o MDB maranhense deve anunciar oficialmente seu apoio ao ex-presidente Lula da Silva. (Coluna Repórter Tempo).

quarta-feira, 11 de maio de 2022

Mutirão de Cirurgias do Hospital Alarico Pacheco ajuda a reduzir filas

O Governo do Estado ,através do Programa Mais Cirurgias, realizou nesta quarta-feira (11), no Hospital Regional Alarico Pacheco, 30 laqueaduras. Essa ação amplia  o número de serviços de saúde de Timon. O Deputado Estadual Rafael tem viabilizado que os mutirões de cirurgias aconteçam com frequência para atender à população timonense com eficiência e qualidade. 

A laqueadura e vasectomia são cirurgias que fazem parte do programa de Planejamento Familiar. As mulheres e os homens que desejarem realizar esses procedimentos devem procurar o Serviço Social do Alarico para formalizarem o processo, receberem o devido acompanhamento e indicação, e posteriormente realizarem o procedimento desejado.

Assim como nos outros Mutirões, toda a equipe do Hospital Alarico se mobilizou para melhor atender a todos. Os Mutirões continuarão a ser realizados até toda fila de espera ser atendida.

Com o Programa Mais Cirurgias têm sido possível planejar, ampliar e atender um grande número de pacientes que necessitam realizar cirurgias eletivas.

"Hoje estamos realizando 30 laqueaduras, no HRANP, são 30 mulheres que aguardavam  por esse procedimento , e puderam realizar um sonho, pois após realizarem essa cirurgia terão melhor qualidade de vida e direito ao Planejamento Familiar exercido como garante o SUS", destacou Ana Patrícia Bringel Resende, Diretora Geral do HRANP.

“Com a grande reforma do Alarico, conseguimos a ampliação de novos serviços e atendimentos, que estão à disposição da população e com os Mutirões, ajudam a desafogar as filas de espera”, destacou o deputado Rafael.

Em Carta Aberta o deputado Paulo Marinho Jr anuncia renúncia do mandato de vice-prefeito

Em Carta Aberta publicada nas suas redes sociais o deputado federal Paulo Marinho Jr anunciou nesta quarta-feira (11), a renúncia do mandato se vice-prefeito de Caxias.

Leia abaixo a íntegra da Carta Aberta publicada pelo deputado Paulo Marinho Jr.