Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

Ceprama: 32 anos de arte, cultura e história

Conhecido como a vitrine do artesanato maranhense, o Centro de Promoção Artesanal do Maranhão (Ceprama) completou 32 anos nessa quarta-feira (20) e a SETUR realizou homenagem aos quase 50 artesões que atuam no local.

Para Lúcia de Fátima, artesã há 31 anos da instituição, é de imensa gratidão fazer parte e poder observar e vivenciar as mudanças e evoluções que o Ceprama teve. “Essa aqui é a nossa casa, é uma família. O Ceprama acolhe todos, capacita, orienta e isso nos realiza.”, afirma a artesã.

No Ceprama, fundado em 1989, é possível encontrar produtos de todas as regiões do Estado, com diversos artigos como cerâmica, azulejos, madeira, algodão, couro, madeira, argila, reciclados, sementes e até fibras de plantas.

O centro atrai turistas de várias partes do mundo durante o ano inteiro, em busca da riqueza e diversidade das peças. “São 32 anos de arte, luta e cultura. O Ceprama é até hoje e será por muitos anos a referência do Artesanato do Maranhão”, afirmou Domingos Junior, Diretor do Ceprama.

O CEPRAMA

O Ceprama funciona em um casarão de aproximadamente 3 mil m², nas antigas instalações da Companhia de Fiação e Tecelagem de Cânhamo. O local serve ainda de palco para apresentações artísticas e eventos.

O Centro de Artesanato tornou-se referência no apoio e escoamento da produção de artesanato de artesãos de dezenas de municípios do estado. Além de abrigar também o único ponto de apoio do Programa de Artesanato Brasileiro no estado, onde é possível solicitar a Carteira Nacional do Artesão.

Horário funcionamento Ceprama e Centro de Atendimento ao Turista (CAT)

Endereço: Rua São Pantaleão, nº 1332, Madre Deus. São Luís (MA).
Funcionamento: Segunda a sexta-feira: 9h às 17h; Sábado: 9h às 17h

CAT no Ceprama em São Luís:
segunda a sábado, das 09h às 17h30; sábados 09h às 13h

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com