Assembleia Legislativa

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Salgado Maranhão vai disputar vaga na Academia Maranhense de Letras

Salgado Maranhão, o maior poeta brasileiro da atualidade, esteve em São Luís, no final de dezembro de 2017
O escritor Salgado Maranhão, considerado pela imprensa nacional como o maior poeta brasileiro da atualidade, está mesmo decidido a disputar uma vaga na Academia Maranhense de Letras. Ele confirmou que irá se inscrever como candidato à Cadeira 18, cujo último ocupante foi o poeta Manoel Lopes.

No ano passado, Salgado Maranhão fez uma visita sentimental ao Centro Histórico da capital maranhense acompanhado de dois outros poetas, Alexandre Lago e Rinaldo Nunes.

Salgado Maranhão veio a São Luís para lançar seus três últimos livros: “O mapa da tribo” (vencedor do Prêmio Pen Club 2014), ‘Óperas de nãos’ (vencedor do Prêmio Jabuti 2016) e “Avessos avulsos”, seu título mais recente.

Compositor memorável, Salgado Maranhão compôs com Herman Torres “Caminhos de Sol, que entrou na trilha sonora da novela “A viagem”, da TV Globo. São mais de 50 canções gravadas. Entre os artistas que interpretaram suas músicas estão Zizi Possi, Elba Ramalho, Ney Matogrosso e Ivan Lins.

O poeta anunciou que, no Rio de Janeiro, onde mora há 40 anos, está preparando o lançamento de seu novo livro ‘A sagração dos lobos’, que reúne poemas “com o sentido de discutir a situação de todos nós humanos, que somos presas ao mesmo tempo em que somos lobos. Resta saber que papel escolhemos para representar”.

Ao tecer comentários sobre a poesia brasileira, Salgado Maranhão observou diz que o Maranhão é o único Estado da Federação que tem dois poetas que falam da nacionalidade, cuja obra traduz o espírito do país: Gonçalves Dias e Ferreira Gullar. (Blog do Manoel Santos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com