Assembleia Legislativa

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Eleições 2018: Eduardo Braide, o pesadelo de Flávio Dino…

Com forte recall eleitoral em São Luís e bem avaliado em pesquisas qualitativas como opção espontânea da própria população, deputado assombra o comunista, que atua fortemente para tirá-lo da disputa
Marco D'eça - Dentre todos os pré-candidatos já postos para a disputa pelo Governo do Estado, um ocupa o sono diário do governador Flávio Dino (PCdoB): o deputado estadual Eduardo Braide (PMN).

Mesmo sem ter-se anunciado candidato, Braide figura sempre na terceira colocação em todas as pesquisas de intenção de votos; mas não é só isso.

Pesquisas qualitativas – as quais o próprio Palácio dos Leões teve acesso – apontam Braide com forte tendência de crescimento e capacidade real de angariar apoios durante a campanha.

Isto porque, de todos os adversários de Dino, o deputado é o único sem vinculação a grupos políticos e como opção que surge diretamente do povo.

Fortíssimo em São Luís, Braide tem receptividade também nas andanças pelo interior, com a vantagem de ainda não ser totalmente conhecido pelo eleitor.

Flávio Dino sabe dos riscos que é ter Eduardo Braide na disputa pelo governo e atua fortemente para tentar tirá-lo do páreo.

São muitos os emissários do governador a oferecer possibilidades ao parlamentar em troca de sua desistência.

Eduardo Braide só deve anunciar se será mesmo candidato a governador a partir de abril, após definição dos quadros partidários para a disputa de outubro.

Até lá, povoará o sono do governador comunista.

Como um pesadelo diário a assombrá-lo…

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Ex-prefeito deixa o PDT ingressa no PSDB de Roberto Rocha

O senador Roberto Rocha tirou o ex-prefeito Léo Costa do PDT e levou para o PSDB
Com as dependências do Salão Paroquial São Vicente, localizado na Praça da Matriz,  em Barreirinhas, o ex-prefeito Léo Macário Costa, um dos fundadores do PDT no Maranhão, assinou, em ato simbólico, sua ficha de filiação ao PSDB. Ele foi um dos coordenadores da campanha de Flávio Dino (PCdoB) ao Governo do Estado, em 2014, e agora deve marchar ao lado do senador Roberto Rocha.

O ato contou com a presença do senador, presidente da executiva estadual da legenda tucana,  que aproveitou sua ida a Barreirinhas para conversar com a população sobre sua atuação parlamentar e apresentar projetos de fomento ao turismo na região, dentre eles, o projeto de lei (PLS 35/2015), que cria uma frente parlamentar para atuar em defesa do turismo na “Rota das Emoções”, que interliga os Lençóis Maranhenses (MA) ao Parque Nacional de Jericoacoara (CE), passando pelo Delta do Parnaíba (PI).

A área tem um grande potencial econômico para o turismo de prática de esportes náuticos, ecoturismo, turismo de aventura e diversas modalidades de esporte ao ar livre.

Roberto Rocha fez um convite a Léo Costa para que ele integre o projeto de eleger o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, presidente da República. O ex-prefeito informou que já tomou todas as providências formais para sua saída definitivo do PDT.

Para o senador, “é uma honra receber nos quadros do PSDB uma liderança, um intelectual e um homem público da envergadura do companheiro Léo Costa. Certamente o nosso querido Jackson Lago está muito feliz com este momento”.

Emoção – Com uma longa história de luta no PDT, partido que foi liderado no estado pelo ex-governador Jackson Lago, Léo Costa foi um dos primeiros partidários a assinar a ficha de filiação do partido no Maranhão.

Após o convite do tucano Roberto Rocha, ele foi às lágrimas ao anunciar que deixava o PDT com aperto no coração, lembrando o duro golpe sofrido nas eleições de 2016, quando foi abandonado à própria sorte pelo deputado federal Weverton Rocha, presidente estadual do partido no estado, que o deixou sem legenda para disputar a reeleição pela sigla trabalhista.

Léo Costa foi um dos companheiros mais próximos de Jackson Lago, com quem esteve nos principais e mais importantes momentos da trajetória de luta do PDT no estado, e na eleição de 2014 peça fundamental para o bom desempenho nas urnas do governador Flávio Dino em Barreirinhas e outros municípios da região dos Lençóis.

Em discurso Léo Costa diz que ainda não definiu se lança candidatura a algum cargo político.  “É uma nova página da minha história pessoal e na minha militância política. Chego como um soldado para contribuir com a construção de um novo projeto para o Maranhão e para o Brasil. Tanto o nosso presidente estadual Roberto Rocha quanto nosso presidente nacional Geraldo Alckmin podem contar com este humilde, mas valente soldado”. Afirmou o mais novo tucano do Maranhão. As informações são do Maranhão Hoje.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Alô MP! Portal da Transparência da prefeitura de Timon está fora do ar

A Lei da Transparência obriga a União, os estados e os municípios a divulgar seus gastos na internet em tempo real, mas, em Timon está fora do ar
Consulta feita no Portal mostra apenas uma mensagem em inglês
O Portal da Transparência de Timon  - www.timon.ma.gov.br/transparencia está fora do ar por vários dias, foi o que identificou o Blog do Ludwig por várias vezes que precisou fazer consultas para obter informações sobre receitas e despesas da prefeitura municipal. A divulgação de gastos, receitas, fornecedores, programas, ações e projetos na internet em tempo real é uma obrigação da União, os estados e os municípios garantida pela Lei Complementar 131 ou Lei da Transparência. O não cumprimento da Lei da Transparência pode ser denunciado aos Tribunais de Contas dos estados ou ao Ministério Público por qualquer cidadão, partido político, associação ou sindicato.

No caso do Portal da Transparência de Timon quando consultado aparece apenas uma mensagem em inglês, ‘Object reference not set to an instance of an object’, como mostra a imagem acima, impedido qualquer cidadão de ter acesso as informações obrigatórias por parte da prefeitura.

Quem sabe após esta publicação tudo se normalize...

Rubens Jr quer o confisco automático das terras de fazendeiros que tentarem se defender do MST

Deputado comunista quer confiscar automaticamente as terras de fazendeiros que tentarem se defender do MST
As propriedades onde houver a utilização de milícia armada serão expropriadas pela União, sem qualquer indenização aos proprietários e sem prejuízo de outras sanções legais. É o que determina a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 376/17, do deputado Rubens Pereira Júnior (PCdoB-MA), em tramitação na Câmara dos Deputados.

A PEC estabelece também que os bens de valor econômico e os armamentos apreendidos serão confiscados e revertidos em benefício das políticas de segurança pública, da reforma agrária e das Forças Armadas. O conceito de milícia armada será definido posteriormente em lei.

Avanço

O deputado afirma que o objetivo da proposta é conter o avanço das milícias que atuam em regiões de conflito fundiário, como o Norte do País. Ele citou dados recentes da Comissão Pastoral da Terra e de comissões parlamentares de inquérito (CPIs) instaladas em Assembleias Legislativas de vários estados brasileiros, que apontaram o crescimento de milícias “espalhadas de norte a sul do País.”

“É imperativo que o Estado brasileiro venha a agir no sentido de coibir e combater esse estado de coisas”, disse Pereira Júnior. A proposta, segundo ele, busca atacar o problema pela via do patrimônio do infrator.

Tramitação - A PEC 376/17 será votada inicialmente pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, que analisará a admissibilidade do texto. Se for aprovada, será criada uma comissão especial para analisar o teor da proposta. A votação final ocorrerá no Plenário da Câmara. As informações são do Política na Rede.

Outro lado

A assessoria do deputado federal Rubens Júnior enviou uma Nota de Esclarecimento sobre o assunto acima, leia abaixo:

Caros, bom dia!

A respeito da matéria publicada no site, com o título "Deputado comunista quer confiscar automaticamente as terras de fazendeiros que tentarem se defender do MST", solicitamos imediata correção deste título, uma vez que ele não corresponde ao que foi proposto pela PEC. 

O o correto é que o projeto de Rubens Pereira Júnior combate avanço de milícias que atuam em regiões de conflito fundiário. Abaixo encaminho nota que explica exatamente do que se trata:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a PEC 376/17, em tramitação na Câmara, o deputado federal Rubens Pereira Júnior (PCdoB-MA) esclarece que o objetivo da proposta é conter o avanço das milícias armadas que atuam em regiões de conflito fundiário, seja na prática de ocupação como para a manutenção das terras. 

A PEC não prejudica a legítima defesa da terra, mas endurece a lei para milicianos e combate a bandidagem. Com isso, ficarão ainda mais resguardados os proprietários legítimos, que muitas vezes têm suas terras invadidas por milícias armadas.


Estamos à disposição para qualquer outro esclarecimento.

Câmara de Timon vai estrear programa Direto do Parlamento

A Câmara Municipal de Timon disponibilizará mais um instrumento de informação, no sentido de que as ações desenvolvidas pelos parlamentares sejam de conhecimento de todos, fortalecendo a interação e a aproximação do seu trabalho com a população. No próximo dia 21 de fevereiro, quarta-feira, estreia o programa Direto do Parlamento, que será exibido pela rádio Celestial FM (100,7). Apresentado pela assessora de comunicação da instituição, Isadora Alves, o objetivo do programa é divulgar os trabalhos da Casa Parlamentar e levar a conhecimento dos timonenses as discussões e votações que pautam as sessões ordinárias, que acontecem todas as segundas e quartas-feiras.

Inicialmente, o programa será exibido durante a semana nos horários de 8 da manhã e 13h30min, na rádio Celestial FM (100,7), mas brevemente também será exibido em outras emissoras. A população também pode se manter informada sobre as notícias do Parlamento Timonense acessando o novo site da Câmara: www.timon.ma.leg.br ou as redes sociais: Facebook – Câmara Municipal de Timon; Instagram: @camaradetimon e Twitter: camaradetimon, que diariamente são atualizadas.

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Senador Lobão quer o apoio de Lula nas eleições

Lobão quer o apoio de Lula nas eleições, outros emedebistas, como Renan Calheiros, também
O senador Edison Lobão (MDB-MA) avisou a Lula que adoraria receber seu apoio na campanha à reeleição. Outros três senadores emedebistas querem o respaldo de Lula: Jader Barbalho (PA), Renan Calheiros (AL) e Roberto Requião (PR). (Coluna Expresso)

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Paulo Marinho e a polarização...

Polarização. Após conversas com três pré-candidatos – Roseana Sarney (MDB), Eduardo Braide (PMN) e Roberto Rocha (PSDB) – o ex-deputado Paulo Marinho comentou o cenário da sucessão.

Para ele, o governador Flávio Dino (PCdoB) está ciente de que outras forças têm surgido com respaldo e, por isso, insiste na tese de polarização.

- Estratégia errada. As próximas eleições serão vencidas pelo Novo. O Maranhão cansou da política pela política e reclama projetos, gestão eficiente, compromisso com o futuro -, disse. (Coluna Estado Maior, jornal O Estado)

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Eduardo Braide diz que jamais convidou Raimundo Cutrim para voltar ao grupo Sarney

Pelo que deixou entender, o convite feito por Braide foi porque percebe que, dificilmente, Cutrim terá ambiente para continuar pertencendo ao grupo do governador Flávio Dino
Aquiles Emir - O deputado Eduardo Braide (PMN) disse nesta quinta-feira (08) que, ao contrário do que vem sendo noticiado, ele jamais convidou o seu colega de parlamento Raimundo Cutrim (PCdoB) a retornar ao Grupo Sarney, até porque não lhe caberia esse tipo de convite, pois o grupo é representado por outras pessoas, a começar pela sua família, que tem como principais lideranças o ex-presidente e ex-senador José Sarney (MDB), a ex-governadora Roseana Sarney (MDB); o ministro de Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), e, na Assembleia Legislativa, o deputado Adriano Sarney (PV).

Segundo Braide, quando se dirigiu a Cutrim foi para convidá-lo a fazer parte do seu projeto para a eleição de 2018, que pode ser o de se candidatar a governador ou integrar um movimento que possa levá-lo a disputar uma cadeira na Câmara Federal. Pelo que deixou entender, Braide, o convite foi porque percebe que, dificilmente, Cutrim terá ambiente para continuar pertencendo ao grupo do governador Flávio Dino (PCdoB), bombardeado num pronunciamento em que são levantadas denúncias de que secretários seus estariam assediando prefeitos para que recebam obras do Estado em troca de apoio político.

Para ele, esse tipo de insinuação tem dois objetivos: encobrir o discurso de Raimundo Cutrim, "que é grave", e tentar rotular uma eventual candidatura sua como projeto da família Sarney, o que não faz o menor sentido, pois está nascendo tanto fora do ambiente da ex-governadora quanto do atual governador.

O deputado do PMN declarou ainda que quanto ao seu projeto de se candidatar a governador, tudo ainda vai depender do que irá acontecer em nível nacional, o que deve ocorrer somente depois de março, dos resultados das próximas pesquisas de opinião pública e dos acordos com lideranças políticas que defendem a sua candidatura. "Vamos esperar!", disse ele.

Deputado denuncia suposto abuso político e econômico no governo Flávio Dino

Deputado Edilázio Júnior denuncia suposto abuso político e econômico na estrutura do Governo
O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) reforçou denúncia levantada pelo governista Raimundo Cutrim (PCdoB), na sessão de hoje (08), na Assembleia Legislativa, e apontou um suposto uso da máquina por secretários de Estado. Durante a sessão, Cutrim denunciou secretários e pediu apuração do Ministério Público Eleitoral (MPE). Para Edilázio, o caso reforça a tese de que o governador Flávio Dino (PCdoB) está indo de encontro a tudo o que pregou ao assumir mandato em 2015.

O parlamentar suscitou a suspeita de secretários de Estado estarem se beneficiando da estrutura do Executivo na busca de votos para a eleição do mês de outubro. Ele citou o caso como grave e cobrou uma postura mais enérgica do Ministério Público.

“Eu pude ver agora na Baixada Maranhense secretário de Estado que não é deputado, patrocinando mais de 15 municípios. Tem secretário de Estado que está doando kit de irrigação. Não é para associação, não é para prefeitura; é para o vereador. Estão aqui 30 kits, 20 kits’. Isso aqui é notório. Todo mundo sabe, não tem segredo”, afirmou. “Esse é o governo comunista que ontem criticava, dizia que tudo isso era um abuso de poder econômico, hoje utiliza muito pior”, completou.

Edilázio também classificou Flávio Dino como o chefe do Executivo Estadual “mais mentiroso do país". "Flávio Dino é o governador mais mentiroso do Brasil. Quando foi eleito, disse aqui nesta tribuna que daria à oposição tratamento igualitário a todos os deputados. Mentiu. Não me recordo de o Maranhão ter um governador tão mentiroso quanto ele”, pontuou.

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Timon: MP avalia acessibilidade e atendimento em supermercados

O promotor de justiça, Fernando Berniz Aragão está coordenando os trabalhos
O Ministério Público do Maranhão tem vistoriado, desde 30 de janeiro, os supermercados de Timon, verificando o cumprimento das legislações de defesa do consumidor, do idoso e de pessoas com deficiência. As vistorias são coordenadas pelo promotor de justiça Fernando Antônio Berniz Aragão, titular da 2ª Promotoria de Justiça Criminal e que está respondendo pelas promotorias de justiça com atribuições na defesa do consumidor, do idoso e das pessoas com deficiência, em conjunto com o Procon e a Vigilância Sanitária do Município.

Durante as visitas, realizadas em uma unidade do Mateus Supermercados e uma do Comercial Carvalho, servidores do Ministério Público entrevistaram consumidores a respeito da qualidade do serviço prestado e do cumprimento da legislação.

Apesar dos órgãos de fiscalização não terem encontrado irregularidades, o promotor de justiça reforçou a orientação pelo respeito às filas prioritárias em todos os caixas e açougues. Na loja do Comercial Carvalho, que estava passando por uma reforma, houve também a orientação por melhorias que facilitem a circulação de cadeirantes.

Nas vistorias, o promotor Fernando Berniz também pactuou com o Grupo Carvalho a doação de produtos para o Presídio Jorge Vieira, Presídio Regional de Timon, ao Lar da Criança Promotora Elda Maria Alves Moureira, além de outras instituições sem fins lucrativos de Timon. O Grupo Mateus está analisando a possibilidade das doações. Outros supermercados ainda serão vistoriados pelo Ministério Público, em datas ainda não confirmadas.