Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

domingo, 19 de setembro de 2021

Chapadinha: conclusão do curso de Educação Ambiental

Na última sexta-feira (17) aconteceu o encerramento das aulas do curso de Educação Ambiental ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) do Maranhão. 

O curso foi desenvolvido a partir de uma parceria entre o Senar e a Prefeitura de Chapadinha por meio das secretarias municipais de Meio Ambiente e Articulação Política. 

O objetivo do curso é desenvolver nas pessoas, conhecimentos, habilidades e atitudes voltadas para a preservação ambiental e uso sustentável dos recursos naturais.

sábado, 18 de setembro de 2021

PDT sofre mais uma perda importante com a saída de Ivaldo Rodrigues

O ex-vereador Ivaldo Rodrigues é mais um líder de peso deixa o PDT
O PDT sofreu mais uma perda importante, o ex-vereador Ivaldo Rodrigues, um dos seus líderes mais destacados, com atuação forte em São Luís, tendo exercido vários mandatos na Câmara da Capital, sem, porém, ter alcançado a reeleição em 2020.

O motivo da saída seriam divergências com o comandante maior do partido, senador Weverton Rocha, a exemplo do que aconteceu com outros líderes do partido, como a ex-primeira-dama Clay Lago e o vereador, deputado estadual e ex-deputado federal Julião Amin, que rompeu com a corrente, liderada por Weverton Rocha meses depois da morte do patriarca do partido, governador Jackson Lago.

Ivaldo Rodrigues foi forjado sob a liderança direta de Jackson Lago nas lutas estudantis que culminaram com a greve de 1979, que incendiou São Luís durante semanas. Vereador de quatro mandatos, não alcançou a reeleição no último pleito, desfecho que debita na conta do presidente da agremiação. (Coluna Repórter Tempo).

Secretaria de Fiscalização do TCE conclui avaliação dos Portais da Transparência dos órgãos estaduais

A secretaria de fiscalização do Tribunal de Contas do Estado (Sefis) concluiu os procedimentos de avaliação dos Portais da Transparência dos órgãos estaduais. Trata-se da primeira avaliação após as alterações estabelecidas pela Instrução Normativa TCE n° 59, que tiveram como finalidade tornar as avaliações mais abrangentes e precisas.

A entrada em funcionamento dos Portais da Transparência é uma das conquistas mais importantes na esfera da gestão pública e do controle externo, que gerou efeitos positivos em todos os níveis da administração pública e ampliou as possibilidades de exercício do controle social.

De acordo com a Lei da Transparência, devem ser disponibilizadas para acesso público nos Portais as informações sobre as despesas e receitas da administração pública, com ênfase nos atos praticados pelas unidades gestoras no decorrer da execução das despesas, assim como os números dos processos a elas relativos, os bens fornecidos ou os serviços prestados, as pessoas físicas ou jurídicas beneficiárias pelos pagamentos e, quando for necessário, os procedimentos licitatórios realizados.

No caso das receitas, os Portais da Transparência devem conter dados e informações sobre o lançamento e o recebimento de toda a receita das unidades gestoras, inclusive referente a recursos extraordinários.

Para efeito de avaliação, a Sefis analisou os seguintes aspectos: informações institucionais; receitas; despesas; transferências recebidas e/ou realizadas; recursos humanos; diárias; licitações e contratos; relatórios fiscais; serviços de informação ao cidadão e acessibilidade.

No entendimento dos auditores do TCE, esses indicadores possibilitam a construção de parâmetros objetivos que permitem identificar o grau de cumprimento das determinações legais previstas em relação aos Portais e verificar se os mesmos estão atendendo à finalidade que lhes foi determinada.

Os resultados da avaliação apontam para um desempenho satisfatório da maioria dos Portais de Transparência dos órgãos estaduais, com destaque para o Poder Executivo e a Assembleia Legislativa, que obtiveram o conceito “A”, o mais elevado da escala de avaliação.

Os resultados também foram considerados positivos da perspectiva da adaptação dos fiscalizados à nova metodologia de avaliação, que adotaram as mudanças necessárias em tempo hábil nos Portais da Transparência. Dentro de trinta dias, com o objetivo de assegurar a efetividade das notas alcançadas pelos Portais da Transparência, a Sefis realizará uma nova avaliação dessas ferramentas.

Para o secretário de fiscalização TCE, Fábio Alex de Melo, o trabalho de avaliação dos Portais da Transparência permite ao controle externo identificar de forma mais célere eventuais falhas na aplicação dos recursos e no desenvolvimento das políticas públicas, possibilitando a adoção de medidas eficazes para sanar essas irregularidades e punir os responsáveis por elas. “Os Portais de Transparência são ferramentas essências à boa gestão pública e ao controle social. O TCE maranhense tem procurado aprimorar a fiscalização dessas ferramentas como forma de tornar ainda mais efetivas suas ações de controle externo e contribuir para um salto de qualidade na gestão pública”, disse Fábio Alex.

Os resultados da avaliação dos Portais da Transparência dos órgãos estaduais podem ser conferidos na página do TCE na internet: www.tce.ma.gov.br

As informações são do TCE-MA.

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

O governo Flávio Dino é um desastre, diz Paulo Marinho Jr

Segundo o vice-prefeito de Caxias no governo Flávio Dino a pobreza aumentou no Maranhão
O vice-prefeito Paulo Marinho Jr concedeu uma entrevista para o Podcast Linha de Frente (veja) apresentado pelo Paulo Henrique, o PH, na noite desta quinta-feira (16), e foi estimulado a fazer uma avaliação do governo Flávio Dino.

"Eu acho o governo Flávio Dino um desastre, desastre e muita gente do PCdoB se arrepende de convidar para os eventos porque eu trabalho em cima de números. O Mais IDH que era o principal programa foi uma palhaçada, foi uma falácia. O Flávio Dino se tu apertar não sai nada", disse Paulo Marinho Jr.

Ainda sobre o governo Flávio Dino o vice-prefeito de Caxias disse que, "Os indicadores todos pioraram, a pobreza aumentou, a Educação não evoluiu como deveria evoluir, o Maranhão não tem um plano de Educação. Os professores do Maranhão, por exemplo, são muito piores do que os professores do Piauí. A gente não sabe nem o modelo de Educação que a gente quer desenvolver...".

"O governo pra mim? Um desastre completo, 100%! Não consigo ver uma área que melhorou. E a saúde que era uma referência, pô você tinha gosto de entrar na UPA, nos hospitais públicos, tudo era da melhor qualidade. Hoje em dia falta tudo e nada presta na saúde do estado do Maranhão", lamentou Paulo Marinho Jr.

Assista abaixo um trecho da entrevista do vice-prefeito Paulo Marinho Jr.

quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Brandão já tem mais de 30% da Assembleia Legislativa do Maranhão

Mais de 15 deputados reafirmam apoio ao vice-governador Carlos Brandão
O vice-governador Carlos Brandão (PSDB) recebeu em sua residência um grupo numeroso de deputados estaduais na noite desta quarta-feira (15). Os parlamentares de vários partidos reafirmaram apoio ao futuro governo do tucano, ao mesmo tempo que hipotecaram apoio à sua futura pré-candidatura à reeleição. 

Carlos Brandão deve assumir o comando do executivo estadual em abril do próximo com a renúncia do governador Flávio Dino (PSB), em obediência às regras eleitorais que prevê a desincompatibilização para quem exerce cargos públicos no governo e pretendam disputar as eleições. O pessebista vai concorrer vaga ao Senado.

Participaram do encontro com o vice governador os deputados Adelmo Soares (PCdoB), Carlinhos Florêncio (PCdoB), Ana do Gás (PCdoB), Zé Inácio (PT), Ariston Ribeiro (Republicanos), Thaiza Hortegal (PP), Socorro Waquim (MDB), Arnaldo Melo (MDB), Edson Araujo (PSB), Rafael Leitoa (PDT), Fábio Macedo (Republicanos) Paulo Neto (DEM), Yglésio Moisés (PSDB), Rildo Amaral (Solidariedade), além dos primeiros-damos Cleomar Tema, representado a deputada Daniela Tema (DEM), e Stênio Rezende, batendo ponto em nome da esposa Andreia Rezende (DEM). 

Além do número consistente de deputados, chamou a atenção a pluralidade de partidos representados. 

Com a exceção do presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB), todos os demais deputados do partido comunista marcaram presença. Do MDB, Socorro Waquim e Arnaldo Melo, que vem ao longo do tempo fazendo gestos ao vice-governador, reafirmaram seus compromissos não somente de apoiar o tucano, mas de lutarem para que o partido decida pelo projeto Brandão.

A visita política ao vice-governador foi organizada pelos deputados Rafael Leitoa, Paulo Neto e Adelmo Soares, maiores entusiastas do futuro Governo Brandão. Pelo menos outros cinco parlamentares, que não puderam ir, justificaram suas ausências. Um deles foi o deputado Duarte Júnior (PSB), que comemorava seu aniversário quando do encontro.

Caxias: eleição para presidência da Câmara já movimenta os bastidores

A eleição da Mesa Diretora da Câmara de Caxias já movimenta os bastidores
Teódulo, Catulé e Mário Assunção
Não que necessariamente possam ser candidatos, mas além do atual presidente da Câmara de Caxias, vereador Teódulo Aragão que pode concorrer à reeleição existem mais dois nomes bem cotados nos bastidores dessa disputa prevista para acontecer em dezembro de 2022, mas já tem gente defendendo a antecipação para este ano.

O nome do atual presidente Teódulo Aragão na disputa da Câmara de Caxias aparece de forma natural já que está sentado na cadeira da presidência e tem direito a reeleição de acordo com o Regimento Interno do legislativo.

Por outro lado aparece dois nomes cotados nessa disputa pela presidência do Parlamento caxiense. O primeiro é do ex-presidente da Casa, o decano vereador Catulé e talvez o mais experiente nesse tipo de disputa. O segundo nome também muito comentado nas rodas de conversas sobre política de Caxias é do vereador Mário Assunção, jovem político mas também muito conhecedor dos bastidores dessa disputa silenciosa.

Mas, como já disse acima, são apenas nomes cotados para a disputa pela presidência da Câmara entre os vereadores caxienses.

Antecipação

Também circula que nos bastidores da Câmara de Vereadores de Caxias existe um movimento para antecipar as eleições da Mesa Diretora para dezembro deste ano ao invés de acontecer em 2022. Para isso acontecer, segundo especialistas no assunto, basta ter assinaturas suficientes entre os 19 vereadores.

A qualquer momento o Blog do Ludwig traz mais detalhes sobre os bastidores dessa disputa na Câmara de Caxias.

quarta-feira, 15 de setembro de 2021

"Ela sim é um ventríloquo do Luciano Leitoa", diz Rafael Leitoa sobre Dinair Veloso

Rafael Leitoa disse que quem mandar na gestão Dinair Veloso é seu primo Luciano Leitoa
Dinair, Luciano Leitoa e Rafael Leitoa
Parece que o tom anda um pouco elevado entre os Leitoa, pelo menos no últimos dias o ex-prefeito Chico Leitoa andou trocando farpas com o presidente da Câmara de Timon, vereador Uilma Resende e o deputado estadual Rafael Leitoa.

Chico Leitoa desceu a "ripa" no vereador Uilma Resende e também no seu sobrinho Rafael Leitoa durante participação nesta segunda-feira (14), no programa do radialista Jorge Simplício, o "Galo", mas também pegou o troco. O vereador Uilma Resende não ficou por baixo e participou de imediato do programa de rádio devolvendo no mesmo tom.

"Ventríloquo e fantoche"

Já o deputado Rafael Leitoa que também foi citado pelo seu tio Chico Leitoa no mesmo programa de rádio resolveu participar nesta quarta-feira (15), e ao ser indagado pelo radialista Galo não procurou palavras suaves para falar da prefeita Dinair Veloso.

Segundo Rafael Leitoa a gestão da prefeita Dinair Veloso é catástrofica e não tem nada para apresentar à população.

"A prefeita Dinair nunca foi prefeita, a gestão ainda continua sendo do Luciano Leitoa. Ela sim é um ventríloquo do Luciano Leitoa, ela sim é uma prefeita de fantoche, entendeu?", disse o deputado Rafael Leitoa.

E Rafael Leitoa emendou, "O Luciano [Leitoa] inclusive vetou a prefeita Dinair de dialogar com o Legislativo rapaz! Ele vetou ela inclusive de conversar comigo, proibiu! A prefeita é proibida de falar comigo que quero ajudar o município, entendeu? Aí só mudou o CPF mas quem continua mandando ainda é ele, por isso que essa gestão é catástrofica, porque nem diálogo tem mais".

Setur oferece city tour em São Luís para pacientes e cuidadores do Hospital do Câncer

A Secretária de Estado do Turismo (SETUR/MA) realizou nesta terça-feira (14) no City Tour guiado pelo Centro Histórico de São Luís com pacientes e acompanhantes do hospital do câncer do Maranhão

Os guias de Turismo da SETUR apresentaram um pouco da história e arquitetura da capital em visita pelo Palácio dos Leões, Capitania do Portos, Praça Dom Pedro, Casa da Ana Jansen, Edifício Joao Goulart, Igreja da Sé, Museu de arte Sacra, dentre outros.

O coordenador da Casa de Apoio do Hospital do Câncer do Maranhão, Paulo Ferreira, falou sobre a experiência e da ideia do passeio surgiu com a equipe de multiprofissionais da Casa de Apoio. “A rotina desses pacientes se resume a Hospital para a casa de apoio, depois hospital e então rodoviária. Então temos muitas histórias para contar, pacientes que sempre tiveram a vontade de conhecer o mar, mas não tem a oportunidade, então é muito gratificante essa parceria para mostrar para os pacientes que a vida ainda continua e que podemos sim realizar alguns pequenos sonhos para a gente, mas que são enormes para eles”, pontua.

“Estamos felizes em poder mostrar nossa capital de uma perspectiva diferente para aqueles que vem de outra cidade realizar o tratamento aqui. São pessoas que precisam morar aqui mas não conhecem ou sabem as curiosidades da cidade” explicou o Secretário de Turismo, Catulé Júnior.

De acordo com Marília Ribeiro, coordenadora dos Centros de Atendimentos aos Turistas (CATs): “Tenho certeza de que foi um momento único com informação, cultura e turismo, tornando também um momento de lazer para todos.”, destaca.

Os roteiros guiados são organizados pela SETUR por meio de ofício que serão analisados no e-mail: catseturma@gmail.com ou por meio de agendamento através do circuito de visita cultural no site: http://casas.cultura.ma.gov.br/portal/eventos/2016/agendamento/

Timon: pesquisa para deputado estadual mostra Schnneyder na frente

Os ex-prefeitos Chico Leitoa e Socorro Waquim lideram a rejeição

Na primeira pesquisa de intenções de votos realizada pelo Instituto Aferir em Timon sobre o cenário político para as eleições de 2022, o ex-candidato a prefeito Comandante Schnneyder, que obteve mais de 34 mil votos nas eleições de 2020 ficando em 2º lugar, aparece agora liderando a disputa por uma vaga de deputado estadual.

Quando perguntado na pesquisa do Instituto Aferir “E se os candidatos a DEPUTADO ESTADUAL fossem estes, sendo hoje as eleições. Em quem o(a) sr(a) votaria para DEPUTADO ESTADUAL do MARANHÃO? (Estimulada)”, o resultado é o seguinte: Comandante Schnneyder 28,35%; Socorro Waquim 23,37%; Chico Leitoa 11,69%; Rafael Leitoa 11,51%; Leandro Bello 7,90%; Branco/Nulo 8,42%; Não Sabe/Não opina 6,01% e Nenhum 2,75%.

REJEIÇÃO

Já quando o instituto avalia a rejeição dos pré-candidatos a deputado estadual os ex-prefeitos Chico Leitoa e Socorro Waquim lideram, respectivamente. Aos eleitores timonenses foi perguntado “E qual destes possíveis candidatos a DEPUTADO ESTADUAL, o(a) sr(a) NÃO VOTARIA? (Estimulada)”, o resultado ficou assim: Chico Leitoa 30,90%; Socorro Waquim 17,20%; Rafael Leitoa 13,85%; Leandro Bello 12,02%; Comandante Schnneyder 8,83%; Nenhum 3,04% e Não Sabe/Não opina 14,16%.

DADOS

A pesquisa do Instituto Aferir foi realizada entre os dias 11 a 14 deste mês com 582 eleitores, tem margem de erro 4,1 para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%. As informações são do Blog do Gilberto Léda.

terça-feira, 14 de setembro de 2021

A gestão Dinair Veloso tem nove meses e quase 4 de salários atrasados, dispara Uilma Resende

Para Uilma Resende a solução da crise dos salários atrasados na gestão da prefeita Dinair Veloso é romper os contratos com a empresa que fornece sinal de internet como também com a Mega-On
Ao discursar na sessão da Câmara de Timon desta segunda-feira (13), o presidente Uilma Resende resolveu falar do empréstimo no valor de R$ 6,6 milhões que a gestão da prefeita Dinair Veloso tentou aprovar mas foi derrotada (reveja).

"O município de Timon claro que falta recursos, mas o problema de Timon não é só recurso. O problema de Timon é administrativo, nós temos nove meses de mandato da prefeita [Dinair Veloso] e quase quatro meses de salários atrasados, é esse empréstimo que vai resolver?", disse o vereador Uilma Resende.

Ainda segundo o presidente Uilma Resende o Executivo Municipal deve mais R$ 10 milhões para a empresa Mega-On Soluções Ltda. Na visão de Uilma Resende era melhor a prefeita Dinair Veloso romper o contrato com a empresa Mega-On.

Ainda em seu discurso o presidente Uilma Resende seguiu dando sugestões para prefeita Dinair Veloso organizar sua gestão e quem sabe colocar os salários atrasados em dia. "Desfaça o contrato da internet que é R$ 500 mil mensais. Desfaça o contrato com a Mega-On e desfaça o contrato da Secretaria de Limpeza que está terceirizada com o mesmo proprietário da Mega-On que os recursos de Timon vão sobrar", afirmou o vereador.

Assista o vídeo abaixo com a íntegra do discurso do vereador Uilma Resende.

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

Timon: Câmara reprova projeto da prefeitura que pleiteava empréstimo de R$ 6,6 milhões

A Câmara Municipal de Timon reabriu nesta segunda-feira, 13, as suas sessões plenárias para o público de maneira presencial. Nesta manhã o público pode acompanhar in loco os trabalhos do legislativo municipal e presenciar às votações de quatro projetos de lei de autoria do Poder Executivo Municipal. O principal deles, projeto Nº 52/2021 tinha o objetivo de autorizar a prefeitura municipal de Timon a contratar operação de crédito com a União, no valor de R$ 6,6 milhões por meio da Caixa Econômica Federal. Para que fosse aprovado o projeto necessitava do voto favorável de 14 parlamentares, mas obteve apenas 11 e foi rejeitado.

Outro projeto rejeitado pelos parlamentares, o de número 56/2021, dispunha sobre a autorização de crédito adicional especial ao orçamento de 2021, no valor de R$ 1,79 milhões, a serem acrescidos à dotação orçamentária da secretaria municipal de Finanças de Timon. Em seguida os parlamentares apreciaram mais dois projetos, um que faz alterações no código tributário e outro que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano do município de Timon.

O primeiro, projeto 001/2021, dá nova redação, altera e acrescenta dispositivos à Lei Complementar Nº 25/2013, que é o código tributário do município de Timon e foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares presentes. Os parlamentares também aprovaram por unanimidade o projeto de Lei Nº 057/2021 que acrescenta os incisos 3º, 4º e 5º à Lei Municipal Nº 2121, de 21 de março de 2018, que dispõe sobre o parcelamento de solo urbano do município de Timon, além de tratar da reserva de faixa não edificável nas rodovias federais e nas ferrovias federais que atravessam o perímetro urbano do município.