Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

quarta-feira, 23 de março de 2022

Troca de comando do PROS resultou num completo desastre

Weverton Rocha com Marcus Holanda, presidente nacional do PROS e Marcos Caldas: desastrosa
Algumas articulações partidárias têm resultado em uma série de derrapagens, algumas com perdas, mas nenhuma delas configurou um desastre maior do que a guinada do PROS, que acabou implodido como poucas vezes aconteceu num período pré-eleitoral.

Articulada pelo senador Weverton Rocha (PDT), numa jogada destinada a tirar o partido da base da pré-candidatura do vice-governador Carlos Brandão, tomando a presidência do experiente vereador Chico Carvalho para entregá-la ao controverso suplente de deputado estadual Marcos Caldas, a mudança resultou num completo desastre. Num só dia, o partido perdeu o suplente de deputado federal Gastão Vieira, o deputado estadual Yglésio Moisés, o vereador Chico Carvalho, e nomes como o ex-deputado Raimundo Cutrim, que juntamente com outros nomes de expressão política, ficando resumido ao próprio Marcos Caldas e quase ninguém para montar uma chapa de candidatos a deputado estadual que já estava montada.

É possível que daqui para o final da “janela partidária”, Marcos Caldas, com a ajuda de Weverton Rocha, consiga suprir parte das perdas. Mas com certeza a troca de comando do PROS entrará para história como o maior mico partidário desse processo eleitoral. (Coluna Repórter Tempo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com