Propaganda Superior

quarta-feira, 3 de julho de 2019

Vereador apresenta o “Mapa da Corrupção” da prefeitura de Timon

O vereador de Timon Anderson Pêgo (PSDB) inovou ao apresentar na sessão plenária desta quarta-feira, 03, o que ele classificou como o “mapa da corrupção” do governo do prefeito Luciano Leitoa (PSB). Anderson levou ao plenário um banner contendo títulos de matérias e de condenações judiciais do prefeito Luciano Leitoa.

Anderson Pêgo contou ainda que recebeu uma interpelação judicial, de autoria do prefeito Luciano Leitoa, para que o parlamentar “apresente as insinuações de que o autor, na condição de prefeito municipal, tenha sido corrupto”, de acordo com o que diz a interpelação judicial. Anderson Pêgo disse que decidiu explicar, de maneira clara ao prefeito Luciano Leitoa, o porquê de ele ser corrupto, de acordo com as decisões que já foram dadas por diversos órgãos fiscalizadores contra a sua gestão.

“O governo já foi condenado pelo Tribunal de Contas da União, por fraudar licitações, e ele quer que eu explique? Pergunte ao senhor Márcio Sá, pergunte para a senhora Semiramis, que foram condenados. Mas eu vou ajudar, e por isso eu trouxe este banner, para explicar para o prefeito Luciano Leitoa porque que ele é corrupto, porque que ele rouba o dinheiro do povo, porque que ele mata as crianças. Se isso não é corrupção, o que é?”, indagou.

Em seguida, o vereador citou diversas decisões em que o prefeito Luciano Leitoa já foi condenado ou nas quais ele está sendo investigado. “O prefeito está com os bens bloqueados, o ministério público está investigando o desvio de R$ 2 milhões no lixão, O TCU já condenou o governo por fraudar licitações no valor de R$ 10 milhões. Uma auditoria da Controladoria Geral da União detectou superfaturamento de R$ 2,4 milhões na saúde de Timon. E nisso está incluído o tomógrafo de ouro, em que o prefeito pagou R$ 1.712,71 por uma tomografia, que custa no máximo, em qualquer clínica particular R$ 360”.

Anderson Pêgo destacou que a sua rotina de fiscalizar os órgãos públicos de Timon será intensificada, para o bem da população timonense, e ele convida os vereadores da base do prefeito para colaborar na fiscalização dos gastos públicos. “Estamos aqui no papel de fiscalizar o Poder Executivo, para garantir que a população receba as ações que elas estão pagando por meio dos impostos. E eu convido meus colegas da base do prefeito a ir nos bairros conhecer a realidade de nosso município e cobrar, pois ele só vem aqui para bater palmas, parece que eles não conhecem Timon, não sabem os problemas que a cidade está enfrentando”, finalizou. (Assessoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com