Assembleia Legislativa

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Governo do Estado beneficia 120 famílias no povoado de Timon com a implantação de oito campos agrícolas

O secretário de Estado da Agricultura Familiar, Adelmo Soares, representando o Governo do Estado, assinou no último sábado (5), um convênio para implantação e infraestrutura de oito campos agrícolas adequada para o cultivo de diversas culturas.

No total serão 60 hectares de terras, beneficiando diretamente 120 famílias. A solenidade, que aconteceu no Centro de Treinamento Prof. Wall Ferraz, contou a presença de várias autoridades e agricultores familiares das comunidades beneficiadas.

Os campos agrícolas serão distribuídos em oito comunidades, onde os agricultores receberão assistência técnica da Agencia Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural – Agerp.

“Por meio da capacitação e assistência técnica os agricultores terão a oportunidade de produzir com qualidade. Além de transmitir o conhecimento para o homem do campo. O Governo do Estado, por meio da Agerp irá ajudá-los a comercializar o excedente de sua produção”, explicou o gestor regional da Agerp de Timon, Aécio Borges.

Adelmo Soares falou sobre a luta incansável do Governo do Estado na região dos cocais. “Nossa missão é tornar possível o desenvolvimento do Maranhão por meio da produção”.

O secretário anunciou ainda investimentos no município: “Vamos entregar em janeiro 20 kits do Programa ‘Mais Feira’ e ainda contemplar Timon com cinco unidades de demonstração do Programa Água Doce”, explicou Adelmo.

As comunidades Laranjeira, Bonitinho e Jacaré irão cultivar hortaliças. A cajucultura será cultivada pelas comunidades Fazenda Nova, Cajueiro e Pote, já a mandiocultura será produzida pelas famílias das comunidades Humaitá e Lagoa do Joca. Cada uma delas irá beneficiar 15 famílias, totalizando 120 famílias nas oito comunidades.

A comercialização dos produtos será feita em conjunto por intermédio da associação local, os produtores têm três principais mercados serem explorados: Programas de Aquisição de Alimentos PAA; Programa Nacional de Alimentos Escolar- PNAE ou CEASA de Timon, mercado local.

Para o prefeito de Timon, Luciano Leitoa, a parceria entre o governo e a prefeitura vai fortalecer o trabalho daqueles que mais precisam, como o homem do campo. “Tenho certeza de que a assinatura do termo de convênio para a aquisição dos campos agrícolas é só o início de muitas outras parcerias que virão para desenvolver a agricultura familiar no estado”, ressaltou o prefeito de Timon.

De acordo com o projeto, cada campo agrícola terá o espaço de 7,5 hectares. “É um dos projetos mais importantes para o desenvolvimento da agricultura de Timon e uma forma para que os pequenos agricultores tenham onde trabalhar”, contou Raimundo Nazário, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Timon.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com