Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

segunda-feira, 2 de agosto de 2021

Novo presidente do PP admite resistências internas a Bolsonaro

André Fufuca prevê, contudo, que cenário interno pode mudar até 2022, caso desempenho do governo melhore
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Novo presidente nacional do Progressistas, o deputado federal André Fufuca (MA) admitiu à coluna do Igor Gadelha que há resistências de alguns diretórios estaduais do partido a uma possível filiação do presidente Jair Bolsonaro à sigla.

O parlamentar, que assumiu a legenda no lugar de Ciro Nogueira, prevê, no entanto, que o cenário pode mudar até 2022, caso o desempenho do governo federal melhore até lá, sobretudo na economia.

“Hoje tem alguma resistência em alguns estados, como Ceará e Bahia, mas é cedo para avaliar. Se ele (Bolsonaro) melhorar até o ano que vem, a tendência é que essa situação se equilibre no partido”, afirmou Fufuca.

O deputado diz que as conversas para a entrada de Bolsonaro no Progressistas ainda são “embrionárias”. Ele avalia, porém, que, com a nomeação de Ciro para a Casa Civil, é “natural que haja um avanço” nas negociações.

“Meu pensamento: com Ciro na Casa Civil todo dia tendo acesso direto ao presidente, é natural que haja um avanço. Se ele vier, vamos ser o maior partido do Brasil”, afirmou o deputado. (Coluna Igor Gadelha).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com