Propaganda Superior

Propaganda Superior
Inscreva-se em nosso canal

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

Vereadores aliados da prefeita Dinair votam contra a convocação de secretários e representante da Mega-On

Vereadores da base da prefeita Dinair Veloso votaram contra convocação de secretários e representante da empresa Mega-On, e nomes indicados para a AGERT foram reprovados
Na sessão desta segunda-feira (22), a Câmara Municipal de Timon analisou requerimento assinado em conjunto pelos vereadores Ulysses Waquim, Kaká do Frigo Sá, Neto Peças, Irmão Francisco, Alynne Macedo, Drº Torquato, Juarez Morais, Jorge Passos, Helber Guimarães e professora Vanda, que solicitava à Mesa Diretora que realizasse a convocação do secretário municipal de Administração, Ulysses Halley, para que se dirigisse até a câmara e prestasse informações quanto à real situação do contrato da empresa Mega-On soluções Ltda com a prefeitura de Timon.

Além do secretário Ulysses Halley, o requerimento solicitava ainda a presença do representante legal da empresa Mega-On, do secretário municipal de Educação, Samuel de Sousa e do secretário municipal de Saúde, Jefferson Veras. Após a apresentação do requerimento houve discussão entre os parlamentares e após a votação o placar ficou em 10 votos pela aprovação do requerimento, dos vereadores de oposição, e 10 votos pela reprovação do requerimento, pelos vereadores da situação. O presidente Uilma Resende votou pela aprovação do requerimento, desempatando a votação, pela sua aprovação, porém, o requerimento de convocação necessita de maioria de dois terços para ser aprovado.

Caso AGERT

Logo em seguida, o presidente Uilma Resende leu a proposta enviada pela prefeitura de Timon com os nomes indicados para a nova diretoria da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do município de Timon (AGERT), composta por: Luis Carlos Bacelar Caldas Júnior, diretor-presidente, Edna Lima dos Santos, diretora administrativa financeira e Marco Antônio Fonseca Ferreira Filho, diretor operacional. 

Após as discussões, os parlamentares realizaram a votação, que obteve 10 votos favoráveis, dos vereadores da situação, e 10 votos contrários, dos vereadores da oposição. Como a votação ficou empatada, coube ao presidente Uilma Resende o voto de desempate e o parlamentar votou pela reprovação dos nomes indicados para compor a nova diretoria da AGERT. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com