Assembleia Legislativa

domingo, 9 de julho de 2017

Sindjor-PI se manifesta sobre as agressões físicas sofridas pelo jornalista Ademar Sousa

Ademar Sousa foi agredido
O presidente do Sindicatos dos Jornalistas do Piauí (Sindjor-PI), jornalista José Olimpio Leite de Castro se manifestou sobre as agressões sofridas pelo colega Ademar Sousa (veja) na cidade de Alto Longá no Piauí quando estava a trabalho participando de um evento na zona rural do município.

“Na tarde de sábado (08/07),  eu, Ademar do Nascimento Sousa, quando estava atuando como radialista e jornalista no livre exercício da profissão, durante uma festa de inauguração da obra de calçamento no Povoado Invejada dos Cardosos, zona rural de Alto Longá (PI), com as presenças dos secretários de Segurança Pública, Fábio Abreu (deputado federal licenciado) e das Cidades, Fábio Xavier (deputado estadual licenciado) fui agredido fisicamente com socos pelo ex-prefeito Flávio do Teté (visivelmente embriagado), na companhia do vice-prefeito Maciel Sindô, do vereador Cícero Branco (PT), do ex-vereador Assis Sindô, dentre outros homens descontrolados”, disse o jornalista Ademar Sousa.

Leia abaixo o texto divulgado pelo presidente do Sindjor-PI, José Olimpio no seu perfil do Facebook:

Jornalista é agredido na frente do secretário Fábio Abreu, em Alto Longá

Durante a solenidade de entrega de obras de pavimentação em um povoado da zona rural de Alto Longá, na tarde de ontem, o jornalista e radialista Ademar Sousa foi covardemente agredido pelo ex-prefeito do município, Flávio do Teté e mais 10 capangas.

A brutal violência contra o jornalista aconteceu na frente do Secretário de Segurança, Fábio Abreu, que nada fez para impedir a covarde agressão. Logo após a ocorrência, o jornalista, que foi socorrido por um irmão que estava próximo, procurou a delegacia da cidade para registrar um BO, mas o local estava fechado.

O Sindjor-PI colocou a sua assessoria jurídica à disposição do jornalista agredido e o orientou a fazer o exame de corpo de delito em Teresina e a registrar a ocorrência no Departamento de Polícia do Interior, já que a delegacia de Alto Longá não funciona como devia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com