Assembleia Legislativa

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Gilmar Mendes: Flávio Dino me disse que não há nenhum desembargador ganhando menos do que R$ 55 mil

Segundo Gilmar Mendes, Flávio Dino disse que desembargadores do Maranhão recebem acima do teto nacional.

Gilberto Léda - O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, fez uma inconfidência à Folha de S. Paulo que envolve o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB).

Em entrevista à jornalista Mônica Bergamo, Mendes comenta os privilégios de magistrados por todo o país e conta uma revelação feita pelo comunista: segundo ele, todos os desembargadores do Tribunal de Justiça do Maranhão recebem acima do teto permitido pela Constituição.

“O Judiciário brasileiro é um macrocéfalo com pernas de pau. É o mais caro do mundo. E muito mal estruturado. Há uma distorção completa. O governador do Maranhão, Flávio Dino, me disse que não há nenhum desembargador ganhando menos do que R$ 55 mil no Estado. O teto nacional é de R$ 33 mil”, declarou o ministro.

A revelação vem apenas uma semana depois de o STF barrar supersalários de um desembargador da ativa e três aposentados no Maranhão (reveja).

A íntegra da entrevista do ministro Gilmar Mendes pode ser acessada aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com