Propaganda Superior

Propaganda Superior

segunda-feira, 8 de março de 2021

Caxias é a 5ª cidade maranhense que mais se destaca no desempenho da Tarifa Social

A cidade de Caxias (MA) exibe uma das mais altas taxas de famílias maranhenses cadastradas na Tarifa Social, benefício que já assiste no município um total de 6.048. Em todo o Maranhão 157 mil famílias maranhenses de baixa renda foram cadastradas na Tarifa Social de Energia Elétrica só em 2020.

No último dia 25 de fevereiro a Equatorial Maranhão, a Secretaria do Estado de Desenvolvimento Social – SEDES e Federação dos Municípios do Estado do maranhão – FAMEM destacou a evolução de Caxias no índice estadual e nos resultados conseguidos em 2020. A cidade de Caxias recebeu uma mensão honrosa, uma motocicleta, além de um bônus em recurso financeiro.

Ao terem desconto na tarifa de energia, mais dinheiro circula na economia local e estadual. Em todo o Maranhão houve um incremento de mais de 300 milhões de reais injetados por meio da Tarifa Social. “O consumidor deixou de destinar recurso as contas de energias para comprar alimentos, remédios e suprir outras necessidades básicas da família”, diz a Assessoria da Equatorial Maranhão.

Caxias ainda tem muitas famílias que podem ser beneficiadas com o Programa Tarifa Social. Em todo o Estado, essa quantidade chega a representar 251 mil famílias. Para 2021, estima-se o cadastro de mais de 250 mil novas famílias, e a atualização de 206 mil cadastros de famílias já beneficiárias.

CADASTRO
Os cadastros das famílias são iniciados nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), onde os potenciais beneficiários devem se dirigir com documentação pessoal para cadastrar seu NIS. Quem possui o NIS atualizado, já pode se dirigir à segunda etapa do cadastro, buscando um dos canais de atendimento da Equatorial Maranhão para solicitar adesão à Tarifa Social. Para saber se você tem o NIS ou se ele ainda está ativo, ligue para a Central de relacionamento da Secretaria Especial do Desenvolvimento Social: 0800 707 2003.

Os canais de atendimento para cadastro na TSEE, para clientes que já possuem o NIS ativo são: WhatsApp (Assistente Virtual Clara) – (98) 2055-0116; Site: www.equatorialenergia.com.br; Central 116; Postos de Atendimento presencial da Equatorial Maranhão e APP Equatorial.

A Tarifa Social é um benefício concedido pelo Governo Federal, desde 2002, às famílias brasileiras de baixa renda, indígenas e quilombolas ou que recebam o Benefício da Prestação Continuada – BPC.

Para Weverton, candidato precisa trabalhar “para ser merecedor do governo”

Senador do PDT disse que, após o ciclo de transição iniciado pelo governador Flávio Dino, a população está mais exigente e ganhará o voto do maranhense aquele que tiver visão mais propositiva.

O senador Weverton Rocha (PDT) analisou no fim de semana a perspectiva do eleitor maranhense em relação aos futuros candidatos a governador do estado.

Em live com a participação do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, Weverton apontou que o eleitor se tornou mais exigente e vai cobrar mais de um candidato. “Quem tiver oportunidade vai ter que trabalhar para mostrar que é merecedor de continuar na vida pública’, disse o senador.

Principal candidato da base do governo Flávio Dino (PCdoB), Weverton avalia que o governador comunista fez no maranhão um governo de transição; e que o seu sucessor terá que ser mais propositivo.

Na conversa com Carlos Lupi, Weverton deixou claro sua aliança com Flávio Dino, e garantiu que, caso tenha a oportunidade de ser governador, seu desafio será continuar o trabalho de Dino.

“Se Deus um dia me permitir governar o meu estado, eu sei que o primeiro desafio é manter o que Flávio Dino começou”, afirmou.

Com o nome à disposição desde as eleições de 2018, Weverton Rocha se fortaleceu nas eleições de 2020, com a eleição de aliados importantes nos principais municípios, como Imperatriz, Timon, Bacabal e Pinheiro.

Em São Luís, garantiu uma estratégica aliança com o prefeito Eduardo Braide (Podemos), que deve evoluir para uma aliança eleitoral em 2022.

Com seus quase 2 milhões de votos nas eleições de 2018, o pedetista é um dos nomes consolidados para a sucessão de Flávio Dino.

Indefinição partidária de Bolsonaro atrapalha definições de políticos maranhenses

Indefinição de Jair Bolsonaro retarda definição de Roberto Rocha, Pedro Lucas e Gil Cutrim

Aliados a espera de Bolsonaro
Por incrível que possa parecer, o presidente Jair Bolsonaro está sendo responsável por uma série de indefinições partidárias no Maranhão, à medida que vários nomes destacados da política estadual estão aguardando sua escolha partidária para resolver suas pendências. O presidente estaria examinando várias opções, podendo ingressar no Patriotas ou no PTB, ou ainda, numa situação mais remota, retornar ao PSL.

O senador Roberto Rocha, por exemplo, aguarda a definição do presidente para decidir para qual sigla migrará, já que é dada como certa a sua saída do PSDB. Há várias possibilidades para a escolha do chefe da Nação. A tendência inicial do senador é juntar-se ao presidente, filiando-se ao mesmo partido. Mas há quem especule que Roberto Rocha caminha para assumir o PTB, partido já transformado a linha auxiliar do presidente. O certo é que o senador não escolherá um novo partido antes de o presidente fazê-lo.

O deputado federal Pedro Lucas Fernandes, que perdeu o comando do PTB do Maranhão, não depende exatamente da definição partidária do presidente da República para escolher um novo partido. Fala-se que ele está conversando com o PSL, que pode voltar ao controle dos Bolsonaro, e com o PSDB, mudança só possível quando, ou se, o senador Roberto Rocha deixar o partido. É mais ou menos a situação do deputado federal Gil Cutrim, que deixou o PDT e está em busca de um novo partido. Sua escolha só será feita quando houver outras definições, já que seu interesse, como os dos demais “sem partido”, é conseguir uma legenda que fique sob seu comando, o que não está fácil.

Nos bastidores da política nacional corre a especulação de que o presidente Jair Bolsonaro resolverá sua questão partidária até o final deste mês. (Repórter Tempo).

domingo, 7 de março de 2021

Coelho Neto: Saúde realiza ação de conscientização no enfrentamento da Covid-19

A secretária de Saúde de Coelho Neto, Josely Almeida, participou neste domingo (07), da ação de conscientização permanente, desenvolvida pelo governo municipal para atuar em regime de plantão durante os finais de semana.

A ação realizada no Mercado do Produtor teve o objetivo de sensibilizar comerciantes e usuários em relação ao cumprimento das medidas protetivas no enfrentamento à COVID-19. 

A secretária estava acompanhada da coordenadora da Vigilância Sanitária, Cassiane Nascimento e equipe. 

Judiciário de Timon lança Projeto Cidadania e Justiça no Dia da Mulher

O evento será transmitido pelo canal da ESMAM no YouTube
No Dia Internacional da Mulher, 8 de março, às 17h, será lançado, na internet, o Projeto “Justiça e Cidadania - Porque fazer o bem faz bem”, pelo Poder Judiciário de Timon, com o apoio da Comissão da Mulher da seccional da OAB.

O evento será transmitido pelo canal da Escola da Magistratura do Maranhão – ESMAM no YouTube (/eadesmam), com a realização de palestra ao vivo (live) abordando a temática "Violência contra a Mulher: o que você precisa saber", com a participação da juíza Raquel Castro Menezes (1ª Vara Cível), Amanda Waquim, presidente da Comissão da Mulher da seccional da OAB de Timon, e das assistentes sociais Michele Silva e Fabrina Meireles, do fórum.

O “Justiça e Cidadania” é coordenado pela juíza da 1ª Vara Cível e diretora do Fórum de Timon, que já desenvolveu ações desse projeto nas comarcas de Governador Nunes Freire, Matões e Coelho Neto, nos anos de 2011 a 2016. “O projeto tem por objetivo aproximar o Poder Judiciário da comunidade local, mediante a realização de eventos educativos, com informações sobre direitos e deveres dos cidadãos”, informou a juíza. As ações do projeto podem ser acompanhadas pelo instagram (@justiça.cidadania).

No decorrer do mês de março, também será realizada a ação "Para se proteger, fica a dica!", com exibições de vídeos informativos por autoridades locais acerca da temática da violência contra a mulher. Essa ação foi idealizada pelas assistentes sociais Fabrina Meireles e Helayne Moura, integrantes da equipe multiprofissional do Fórum de Timon. 

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Um levantamento realizado pela Rede de Observatórios da Segurança em cinco estados brasileiros registrou uma média de cinco registros de crimes contra mulheres por dia em 2020, em cinco grandes estados brasileiros: Bahia, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo. 

Feminicídios e violência contra mulher ocuparam o terceiro lugar entre os registros, atrás apenas de ocorrências com armas de fogo e ações policiais. O estudo mostra que 449 mulheres foram mortas por serem mulheres. Em 58% dos casos de feminicídios e 66% dos casos de agressão, os criminosos eram companheiros da vítima.

Para denunciar casos de violência contra a mulher ligue 180 (Central de Atendimento à Mulher). As informações são da Corregedoria Geral da Justiça.

sábado, 6 de março de 2021

Prefeitura de Caxias segue Decreto Estadual e suspende reuniões, eventos e aulas presenciais

O decreto da prefeitura de Caxias suspende eventos pelo período de 05 a 14 de Março
Nessa sexta-feira (05), a Prefeitura de Caxias editou o Decreto Municipal Nº 132, dispondo sobre a suspensão para autorização de realização de reuniões e eventos em geral, inclusive suspensão das aulas presenciais em instituições de ensino, dentre outras situações. O Decreto segue o que dispõe a Portaria nº 188, de 03 de fevereiro de 2020, do Ministério da Saúde, além dos Decretos Estaduais nº 35.672, de 19 de março de 2020 e o de nº 36.531, de 03 de março de 2021.

Diante do agravamento da pandemia e do alerta emitido pelo Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao novo coronavírus, além de diálogo amplo com a sociedade, a Prefeitura Municipal suspende pelo período de 05 a 14 de março de 2021, a autorização para a realização de eventos públicos e privados, exceto aqueles considerados de pequeno porte. Pelo que dispõe o Decreto, eventos públicos e privados de pequeno porte, aqueles que não excedam o número de 50 (cinquenta) pessoas, para os quais não haja cobrança de ingressos, assim compreendidos festas de aniversários, batizados, bodas e casamentos.

Estão vedados também, independentemente do número de pessoas, as reuniões e eventos em geral, a exemplo de shows, jantares festivos, inaugurações, sessões de cinema, apresentações teatrais, confraternizações, eventos científicos e afins, inaugurações, bem como lançamentos de produtos.

BARES E AFINS
Bares, restaurantes, trailers, lanchonetes e estabelecimentos similares bem como lojas de conveniência e depósitos de bebidas só poderão funcionar até às 22:00 h, com lotação máxima de 50 (cinquenta) clientes, sendo apenas 04 (quatro) pessoas por mesa, observadas as medidas sanitárias e de distanciamento.

FUNCIONAMENTO DE ATIVIDADES E SERVIÇOS
O funcionamento de todas as atividades e serviços, no período de 05 a 14 de março de 2021, ficará sujeito às seguintes condições:

I – Autorizado o funcionamento somente no período compreendido entre as 05h e as 22h;
II – As farmácias, os serviços de saúde, de hospedagem e congêneres, de transporte coletivo, transporte individual remunerado de passageiros por meio de taxi ou aplicativo, assistência veterinária, as funerárias, os postos de combustíveis, exceto conveniências, as indústrias, serviços de manutenção de fornecimento (cadeia de abastecimento) de energia, água, telefonia, coleta de lixo, não ficam sujeitas às restrições de horário do presente artigo.
III – Os supermercados, nos horários de funcionamento estabelecidos, devem aplicar sistema de controle de entrada restrito a 01 (um) membro por família e limitação de 50% (cinquenta por cento) no número de carrinhos disponíveis.
IV – O funcionamento de serviço na modalidade delivery ficará autorizado inclusive aos domingos; inclusive as farmácias e congêneres poderão funcionar, na modalidade delivery, sem restrição de dias e horários.
V – Todos os estabelecimentos em atividade devem observar os seguintes protocolos de saúde e normas sanitárias durante seu funcionamento:
a) Evitar circulação de pessoas pertencentes ao grupo de risco, conforme definição do Ministério da Saúde;
b) Disponibilizar locais adequados para lavagem frequente das mãos com água e sabão e/ou disponibilização de álcool na concentração de 70%;
c) Ampliar a frequência diária de limpeza e desinfecção de locais frequentemente tocados, tais como pisos, corrimãos, maçanetas, banheiros, interruptores, janelas, telefones, teclados de computador, controles remotos, máquinas acionadas por toque manual, elevadores e outros.

VI – Evitar a realização presencial de reuniões de trabalho e priorizar a realização de atividades de forma remota mediante o uso de ferramentas tecnológicas, exceto setor SAÚDE;
VII – Controlar o acesso de modo a garantir o distanciamento mínimo de 1,5m entre as pessoas.
VIII – Proibir o acesso de funcionários, consumidores e usuários que não estejam utilizando máscara de proteção facial.
IX – Medir a temperatura corporal das pessoas na entrada dos estabelecimentos, impedindo sua entrada em caso de registro igual ou superior a 37,8º;
X – Manter os ambientes arejados por ventilação natural;
XI – Adotar as recomendações atuais de isolamento domiciliar para os profissionais pertencentes ao grupo de risco, conforme definido pelo Ministério da Saúde;
XII – Observar as determinações das autoridades sanitárias para a contenção de riscos, especialmente quando a atividade exigir atendimento presencial da população, com a orientação aos funcionários sobre o modo correto de relacionamento com o público.

As demais atividades comerciais precisam obedecer às medidas elencadas no artigo 3º do Decreto Municipal nº 185, de 23 de julho de 2020 e Decreto Estadual nº 36.203, de 30 de setembro de 2020.

Além das condutas elencadas, são consideradas lesivas ao enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente do novo Coronavírus (Sars -CoV-2) toda ação ou omissão, voluntária ou não, que viole as regras jurídicas de combate à covid-19, previstas neste Decreto, nos regulamentos, protocolos e normas que se destinem à promoção, preservação e recuperação da saúde pública.

SUSPENSÃO DE ATENDIMENTO EM ÓRGÃOS DO PODER PÚBLICO MUNICIPAL
Ficam suspensas, de 05 a 14 de março de 2021, o atendimento presencial nos órgãos e entidades vinculadas ao Poder Executivo Municipal, ressalvados os casos de urgência, com manutenção de expediente interno nas repartições públicas, exceto órgãos essenciais.

SUSPENSÃO DE PRAZOS PROCESSUAIS
No período de 05 a 14 de março de 2021, estão suspensos os prazos processuais em geral e o acesso aos autos físicos dos processos administrativos com tramitação no âmbito do Poder Executivo Municipal.

SUSPENSÃO DE AULAS PRESENCIAIS
Fica determinada a suspensão, de 05 e 14 de março de 2021, das aulas presenciais nas escolas e instituições de ensino superior, médio e fundamental, bem como das instituições educacionais de idiomas, de educação complementar e similares localizadas no Município de Caxias-MA, da rede estadual, municipal ou privada.

OPERAÇÃO INTEGRADA DAS FORÇAS DE SEGURANÇA
Com vistas a assegurar o distanciamento social e contenção da covid-19, as Forças de Segurança Estadual e Municipal e Vigilância Sanitária promoverão operações com vistas a garantir a obrigatoriedade do uso de máscara e o cumprimento das medidas dispostas nesse Decreto.

A gestão municipal lembra que o Decreto poderá ser revisto a qualquer tempo, considerando os registros de infecção por covid-19 no Município, bem como as orientações dos profissionais de saúde.

O Decreto também afirma, que as regras previstas no Decreto Estadual nº 36.531, de 03 de março de 2021, serão observadas rigorosamente pelo Governo Municipal.

sexta-feira, 5 de março de 2021

Prefeitura de Caxias e Governo do Estado fazem parceria para manutenção de 20 leitos covid-19

Anúncio foi feito pelo prefeito de Caxias, Fábio Gentil direto de São Luís
A  Prefeitura de Caxias (MA) realizou nessa quinta-feira (04), uma parceria com o Governo do Maranhão, afim de que o Estado assuma os 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com covid-19, enquanto o município cuida das enfermarias. O anúncio foi feito pelo Prefeito, Fábio Gentil, que aparece em um vídeo, disponibilizado na página do gestor municipal de Caxias, ao lado do Secretario Estadual de Saúde, Carlos Lula e, do médico, Dr. Edilberto.

“Eu quero aqui aproveitar e agradecer ao Governador Flávio Dino, ao Secretário Estadual de Saúde, Carlos Lula. E, ratificar o nosso compromisso com a cidade de Caxias, com a população e com o Governo do Estado. Agradecer essa parceria, onde ganha a população do nosso município, e de todos os municípios circunvizinhos. Principalmente neste momento de dor, que tem causado dor nas famílias brasileiras e mundial. Nós estamos reafirmando essa parceria para oferecer uma saúde de qualidade”, frisa Fábio Gentil, prefeito de Caxias (MA).

“Hoje eu estou aqui com o Prefeito de Caxias, Fábio Gentil. E, a gente está nessa parceria com o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal, traçando estratégias para a gente utilizar a UTI Covid-19 lá no município”, destacou Carlos Lula, Secretário Estadual de Saúde.

Ministro envia à Câmara queixa-crime de Flávio Dino contra Bolsonaro por calúnia

Foto: Divulgação/PR
O ministro Marco Aurélio Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), decidiu enviar à Câmara dos Deputados uma queixa-crime apresentada pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Dino acusa Bolsonaro de calúnia por dizer que o governador negou um pedido para que a Polícia Militar fizesse a segurança do presidente durante visita ao estado, no ano passado.

A declaração de Bolsonaro foi feita em 21 de outubro, em entrevista à rádio Jovem Pan. Na ocasião, o presidente disse ter desistido de uma viagem que faria à cidade de Balsas para participar de um suposto evento evangélico porque o governo do Maranhão "resolveu não ceder a Polícia Militar para fazer a segurança mais aberta".

No mesmo dia, Dino negou a acusação, que chamou de "fantasiosa versão". "Alguns irresponsáveis estão mentindo à população de Balsas sobre o cancelamento de uma suposta visita de Bolsonaro à cidade. Não houve nenhuma negativa de segurança a ele", escreveu o governador em uma rede social.

Na ação protocolada no STF, Dino alegou não ter recebido os ofícios, nem negado qualquer pedido do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) por maior efetivo de segurança durante a visita a Balsas. O governador também mencionou uma nota divulgada pela Aliança de Pastores Evangélicos da cidade (APEB), que revela a inexistência do evento de que Bolsonaro participaria.

Segundo a Constituição, cabe à Câmara autorizar a instauração de um processo contra o presidente da República, como lembrou Marco Aurélio em sua decisão. Se dois terços dos deputados votarem favoráveis ao prosseguimento do caso e a queixa-crime foi recebida pelo STF, Bolsonaro será afastado de suas funções.

"O juízo político de admissibilidade, por dois terços da Câmara dos Deputados, considerada acusação contra o presidente da República, precede ao técnico-jurídico, pelo Supremo, concernente ao recebimento da queixa-crime. Somente após autorização da Câmara dos Deputados é adequado dar sequência à persecução penal no âmbito do Tribunal", escreveu o ministro. (UOL).

quinta-feira, 4 de março de 2021

Combate ao Coronavírus:Prefeito de Coelho Neto assina decreto com novas medidas

O prefeito Bruno Silva assinou nesta quarta (03), o decreto contendo as novas medidas de combate à COVID-19, no âmbito do município. 

As normas valem em caráter extraordinário, no período compreendido ente 04 de março à 21 de março de 2021. 

Dentre as principais medidas do novo decreto estão:

-Toque de Recolher das 22h às 05h;

-Horário de funcionamento presencial do comércio geral (essencial e não essencial) das 06h às 20h;

-Suspensão de diversas atividades tais como: atividades esportivas, casas noturnas, boates, casas de shows, eventos, congressos, feiras, eventos/atividades do poder público;

-Proibição da comercialização de produtos em locais públicos por vendedores ambulantes do tipo camelô e feirantes de outros municípios no território de Coelho Neto;

-Suspensão das aulas presenciais nas unidades da rede pública e privada até o dia 19 de março de 2021;

-Suspensão do atendimento ao público nas repartições públicas municipais até o dia 19 de março de 2021 – exceto os serviços essenciais;

-Operacionalização do transporte coletivo alternativo municipal e intermunicipal com limite de ocupação de 50%;

-Funcionamento de templos religiosos, academias e estabelecimentos afins com funcionamento de forma presencial com redução de 30% da capacidade total;

OAB do Piauí emite Nota de Apoio à Advogada Alynne Helena Macêdo

A Comissão da Mulher Advogada da OAB/PI prestou solidariedade à vereadora de Timon

Confira abaixo a Nota de Apoio à advogada e vereadora Alynne Helena Macêdo

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, por meio da Comissão da Mulher Advogada (CMA), vem a público manifestar seu apoio à Advogada e Vereadora Alynne Helena Macêdo, que sofreu manifestações sexistas e preconceituosas do vereador Thiago Carvalho durante a Sessão da Câmara dos Vereadores de Timon-MA, no dia 01 de março de 2021.

Na ocasião, o referido vereador se utilizou da tribuna para constranger a vereadora, questionando faltas já aprovadas pela câmara, inclusive, com o voto do vereador. Narra a causídica que, os ataques iniciaram após essa questionar a postura do colega em uma reunião no dia 24 de fevereiro que tratava do atraso no pagamento dos salários de determinados servidores.

Assim, enquanto tais práticas reiteradas de violências institucionais na dimensão de gênero não forem reconhecidas como graves violações aos Direitos Humanos, os sistemas que deveriam garantir a efetiva proteção aos direitos das mulheres se colocarão como os maiores violadores dos direitos humanos dessas mulheres.

As mulheres já são sub-representadas nos espaços institucionais, sendo na Câmara Municipal de Timon-MA menos de 15%, percentual totalmente inaceitável e que, mesmo em minoria, infelizmente, não podem ser tolhidas por parte de seus pares.

A OAB Piauí, como casa da cidadania, não se omitirá em relação ao ataque gratuito sofrido pela profissional, fato esse pautado na falta de ética, ao julgar o trabalho da vereadora por motivos pessoais.

A CMA presta solidariedade à vereadora e reforça a necessidade de que mudanças estruturais possam acontecer e se traduzir no efetivo respeito aos direitos de todas as mulheres, para que sejam reconhecidas e respeitadas na sua humanidade e dignidade.

ALYNNE PATRÍCIO DE ALMEIDA SANTOS

Vice-Presidente da OAB Piauí

MARIA DALVA FERNANDES

Presidenta da Comissão da Mulher Advogada da OAB Piauí

quarta-feira, 3 de março de 2021

Câmara de Vereadores de Caxias discute medidas para enfrentar os efeitos da covid-19

Na noite desta quarta-feira (03), o presidente da câmara municipal de Caxias, Teódulo Aragão, a comissão parlamentar de saúde, e demais vereadores reuniram-se com a participação de representantes de comerciantes e lojistas, da sociedade civil organizada, da segurança pública e da prefeitura de Caxias, para discutir propostas de enfrentamento contra a covid-19 na cidade.

O presidente da câmara ressaltou a urgência de se tomar decisões que não prejudiquem trabalhadores, setores da economia, mas que sejam eficazes para salvaguardar as vidas caxienses: “Nós precisamos de uma ação e a responsabilidade é de todos nós, por isso a importância de ouvir a sociedade e seus setores”, disse o presidente da casa legislativa.
Representantes de Igreja, CDL, Sindlojas, academias de musculação reforçaram um pedido para que não haja um novo lockdown. A comissão de saúde, presidida pelo vereador Ricardo Rodrigues, apresentou preocupações em relação às festas na zona rural e bares na cidade, sempre cheios de pessoas.

Carlos Alberto, secretário de Saúde de Caxias e o comitê de enfrentamento à covid-19 também participaram da reunião. As autoridades de saúde reforçaram que higienização das mãos com álcool em gel e uso da máscara seguem sendo grandes aliados nessa guerra.

Fernando Ferraz, secretário de governo, representando o prefeito Fábio Gentil, falou sobre a importância do diálogo e reforçou que o mais importante é garantir a saúde e a vida dos caxienses.

A câmara de vereadores fará uma nova reunião com esses e outros representantes da sociedade civil organizada.