Propaganda Superior

Propaganda Superior

domingo, 31 de março de 2019

Número de lançamentos imobiliários cresce em todo o Brasil

2019 têm sido uma ano de muitas expectativas em relação à economia
Analistas de mercado, economistas, empresários e investidores de todos os mercados têm apostado em um crescimento mais vigoroso em 2019.

Crescimento esse que é esperado em praticamente todos os setores econômicos, mas alguns são apontados como tendo grande tendência de crescimento em nível nacional. Um deles é o mercado imobiliário, naturalmente é aquecido e cresce quando há uma boa expectativa financeira no país. Que é quando a população dispõe de mais renda ou crédito, junto a estabilidade de emprego que incentiva a adquirir imóveis.

O mercado imobiliário brasileiro tem apresentado recuperação e crescimento desde o ano de 2017 e teve um ano bem positivo em 2018, levando em conta a recuperação da crise econômica enfrentada no país nesta década.

Uma das principais apostas de crescimento para este ano, em se tratando de vendas, são os lançamentos imobiliários.

Em relação às vendas, o terceiro trimestre de 2018 apresentou um aumento de 30,1% comparado ao mesmo período de 2017. Ao todo, foram vendidas 26.187 mil unidades em todo o país.

Os lançamentos são um bom indicador para o mercado, e para a economia nacional, pois mostram que a construção civil também está aquecida. Novos edifícios estão sendo construídos, o que por sua vez impacta na renda da população e crescimento no número de empregos.

Os lançamentos imobiliários já vem apresentando retomada de crescimento desde o terceiro trimestre do ano passado, onde registrou um aumento de 30%.

O dado é da Câmara Brasileira da Indústria de Construção (CBIC), que acompanha os índices e movimentação no mercado imobiliário brasileiro.

Ao todo 21.463 mil unidades em lançamento no terceiro trimestre de 2018 em todo o Brasil.

Muito desse crescimento passa já pelos primeiros sinais concretos de crescimento econômico, aliada a alta na busca por lançamento em portais imobiliários como o Agente Imóvel.

Um crescimento que acompanhou o segundo semestre, que teve um número de lançamentos 19,9% maior do que o mesmo trimestre de 2017.

Dentre os estados que mais contribuíram para esse crescimento em lançamentos está São Paulo.

O estado mais populoso do país já vinha apresentando uma recuperação em seu mercado imobiliário já no ano de 2017, mesmo em relação aos lançamentos de imóveis.

Só na capital paulista, foram 28,7 mil novas unidades de imóveis durante o ano de 2017. O que representou um aumento de 48% em relação ao ano de 2016, onde foram lançados cerca de 19,4 mil novas unidades.

Esses dados foram divulgados pelo Secovi - SP (Sindicato da Habitação) e já apontavam para uma recuperação no setor imobiliário, no campo dos lançamentos.

A expectativa agora é que o país continue crescendo, de modo que o aquecimento do mercado imobiliário também se mantenha forte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com