Assembleia Legislativa

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Base do prefeito Luciano Leitoa se ausenta e Orçamento 2019 de Timon fica prejudicado

Mesmo com os votos da oposição o Orçamento 2019 de Timon ficou prejudicado devido a falta de quorum causado pela ausência da base do prefeito Luciano Leitoa
Orçamento 2019 de Timon está prejudicado por falta de quorum
Ao que tudo indica ainda existe um grande desentediamento entre o prefeito Luciano Leitoa e sua base de sustentação política na Câmara de Vereadores de Timon, o G10, que na sessão de votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019 desta quarta-feira (02), se ausentaram e com isso não teve quorum suficiente.

Sob a presidência interina da vereadora Socorro Waquim os 10 vereadores presentes no plenário da Casa votaram pela aprovação da LDO enviada pelo Poder Executivo, mas, o quorum não era suficiente, bastando apenas a presença de mais um vereador, o que prejudicou.

Essa sessão extraordinária de votação do Orçamento de 2019 foi apenas a continuidade da já aberta ano passado pelo ex-presidente Uilma Resende.

Ausência justificada - O único vereador do G10 que justificou sua ausência durante o decorrer sessão foi o pré-candidato a presidente apoiado pela base do prefeito Luciano Leitoa, Francisco Torres.

Eleição

A presidenta interina vereadora Socorro Waquim já assinou e publicou no mural da Câmara Municipal o edital de convocação da eleição da Mesa Diretora com data marcada para o próximo sábado (05), às 9 horas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com