Assembleia Legislativa

quarta-feira, 4 de julho de 2018

Vereador denuncia ao MP a triste situação da Maternidade de Chapadinha

Gestão Magno Bacelar virar alvo de denúncia no Ministério Público: “falta leitos, por vezes medicamentos, e agora ambulâncias”
Vereador foi ao Ministério Público denunciar a maternidade de Chapadinha
Inaugurada no ano passado a Maternidade de Chapadinha sob a responsabilidade da gestão do prefeito Magno Bacelar virou alvo de denúncia no Ministério Público (MP), nesta quarta-feira (04), através do vereador Alberto Carlos.

O vereador usou as redes sociais para informar a população que cansado de receber denúncias por parte da população sobre o atendimento na maternidade municipal resolveu procurar o Ministério Público. “Amigos, não é de hoje que tenho recebido denúncias envolvendo a Maternidade de Chapadinha e com isso voltei a recorrer na tarde de hoje ao Ministério Público. São as mais diversas denúncias, desde a falta leitos, por vezes medicamentos, e agora ambulâncias. Ressalto que documentos confirmam o descaso da administração pública municipal”, disse o vereador Alberto Carlos.

A imprensa aliada ao prefeito Magno Bacelar chegou a divulgar na época da inauguração da maternidade a existência de 30 leitos, mas, o vereador Alberto Carlos que são apenas 16 leitos em funcionamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com