Assembleia Legislativa

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Alexandre Almeida segue firme como pré-candidato ao Senado

Alexandre Almeida só mudou de partido, deixando o PSD para se transferir para o PSDB, justamente pelo convite para disputar o Senado
Jorge Aragão - Apesar de algumas especulações sobre um eventual acordo entre o deputado estadual Alexandre Almeida e o deputado federal Waldir Maranhão, ambos PSDB, pela disputa do Senado, Almeida tem assegurado a correligionários e aliados que não abrirá mão de buscar uma das duas vagas de senador.

Apesar de ainda não ter tratado do assunto publicamente, Alexandre Almeida tem conversado reservadamente com aliados e afirmado que não existe nenhuma possibilidade de abrir mão da disputa pelo Senado e que jamais houve qualquer conversa sobre uma eventual desistência da pré-candidatura.

O assunto veio à tona após a chegada de Waldir Maranhão ao PSDB, depois ser traído pelo governador Flávio Dino (PCdoB). Maranhão ainda não desistiu de disputar o Senado e ainda se intitula pré-candidato, mas quando chegou ao ninho Tucano as duas vagas já estavam acertadas com Alexandre Almeida e com o deputado federal José Reinaldo, conforme já confirmaram Roberto Rocha, Sebastião Madeira e Geraldo Alckmin, em recente visita a São Luís.

Vale lembrar que Alexandre Almeida só mudou de partido, deixando o PSD para se transferir para o PSDB, justamente pelo convite para disputar o Senado.

Pelo visto, a única possibilidade de Alexandre Almeida não disputar o Senado seria o PSDB recuar e não lhe dar essa oportunidade, o que seria terrível para o partido, afinal boa parte dos integrantes reclamam de traição do governador Flávio Dino e, obviamente, se reclamam de traição não podem agir da mesma forma que o comunista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com