Assembleia Legislativa

terça-feira, 6 de junho de 2017

Possível delação do advogado Willer Tomaz deixa Brasília paralisada

Brasília está paralisada com medo de delação de advogado
Figurões da política brasiliense sondam dia sim, outro também, se o advogado Willer Tomaz (à esquerda, na foto), preso após ser delatado pelos donos da JBS, está fazendo ele próprio uma colaboração premiada.

Segundo os irmãos Batista, Tomaz foi quem cooptou o procurador da República Ângelo Goular Villela (à direita, na foto), da operação Greenfield, em que a empresa é investigada.

É que não era apenas para a JBS que Tomaz prestava esse tipo de serviço.

(Coluna Lauro Jardim)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com