Assembleia Legislativa

terça-feira, 25 de abril de 2017

Nota de Esclarecimento

A respeito da matéria “Parada de ônibus é mais cara que uma casa popular em Timon, denuncia vereador”, publicada em 24 de abril neste blog, a Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura (Seinfra) esclarece que:  as obras que fazem parte de convênios com o Governo Federal e são fiscalizadas por este órgão como: Praça Higino Cunha, Campo do Cruzeiro, Praça do Cidade Nova, Pórtico Turístico, ente outras, estão em pleno andamento e algumas já se encontram em fase final, a exemplo do prolongamento da Avenida Teresina. Já a estrada que liga a sede do município de Timon ao Povoado Santa Amélia é de total responsabilidade do Governo Federal e Codevasf, portanto, a Seinfra não tem qualquer gerência sobre o andamento desta. Com relação ao Complexo Carlos Jansen, outra obra que não se encontra sobre a gerência do poder municipal. Já no que diz respeito ao projeto dos 11 abrigos para embarque e desembarque de passageiros (paradas de ônibus) em construção foram elaborados em conformidade com as tabelas de preços referenciadas pela Caixa Econômica Federal, sendo aprovadas pelo corpo técnico da mesma e pelo Ministério das Cidades, órgãos do Governo Federal conveniados com o município para a construção das paradas. O projeto dos abrigos contempla estrutura que deve facilitar a vida dos usuários do transporte público, com cobertura de telha metálica termo acústica de modo a amenizar os efeitos do calor, piso tátil direcional de concreto, rampas de acesso para cadeirantes (garantindo acessibilidade) e painéis informativos, além de espaços para campanhas publicitárias.

-- 
Assessoria de Comunicação
Coordenação Geral de Comunicação - CGCOM
Prefeitura de Timon

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: ludwigalmeida@hotmail.com