Assembleia Legislativa

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

De Leve


Só que não I
Em entrevista a um jornal de São Luís o governador comunista Flávio Dino disse que nunca rompeu com o senador Roberto Rocha. "Eu nunca rompi com ele [Roberto Rocha], da minha parte não há rompimento". O comunista disse ainda que até a eleição de São Luís estava tudo bem.

Só que não II
Com uma gestão extremamente desgastada, uma declaração dessa dita por Flávio Dino deve tentar fazer com que o senador Roberto Rocha pegue um pouco de sua impopularidade, por sinal nunca vista antes no Maranhão.

Mais imposto
O governador Flávio Dino (PCdoB) sancionou o Projeto de Lei nº 10.554, que institui aumento na antecipação do ICMS de 30% para 50% em todo o Maranhão e já está publicada no Diário Oficial do Estado do dia 29 de dezembro de 2016. Esse projeto foi aprovado em regime de urgência pela Assembleia Legislativa sob protestos da oposição e de entidades que representam o setor empresarial do Maranhão.

Será?
O deputado federal Weverton Rocha disse numa entrevista a imprensa de São Luís que já tem o apoio definido do PSB e do PSDB além de outras siglas. Talvez ainda pela energia da juventude o parlamentar anunciou o apoio do PSB e do PSDB, mas, ao que se sabe sobre essas duas agremiações partidárias é que ambas tem futuro incerto e não sabido.

Dobradinha
Só está faltando o momento certo para o anúncio, mas, o vice-prefeito de Caxias, Paulo Marinho Júnior e o secretário Municipal de Governo, advogado Catulé Júnior estão na disputa eleitoral de 2018 como candidatos a deputado federal e estadual, respectivamente.

Sumiram
Basta ir a qualquer evento com a presença do prefeito Fábio Gentil em Caxias para ter provas de que o clã Coutinho parece não tem mais nenhum aliado político na cidade. Os cara de paus ex-aliados recentes dos Coutinho inventam até que jogaram peteca com Fábio Gentil para justificar uma suposta amizade antiga.

No apagar das luzes
Coincidência ou não, o governador Flávio Dino pagou R$ 1,7 milhões para a Casa de Saúde e Maternidade de Caxias que é da família do prefeito derrotado nas últimas eleições Léo Coutinho. A dinheirama foi paga dia 29 do mês passado, falta apenas dois dias para Léo Coutinho deixar a prefeitura. (veja os detalhes aqui)

Agora é diferente
O prefeito de Coelho Neto, Américo de Sousa terá agora a oportunidade de mostrar se de fato é realmente um bom gestor, o povo de sua terra lhe deu a oportunidade para governar o município e tirar do papel e dos microfones usado por ele para transformar em realidade. Américo foi uma das lideranças oposicionistas mais vorazes contra seus adversários políticos.

Até aqui
Pelo menos até agora o prefeito de Matões, Ferdinando Coutinho vem cumprindo com as principais promessas de campanha. Ele disse quem palanque que seus secretários seriam todos de Matões e cumpriu ao anunciar o último nome de sua equipe que ainda faltava.

Sortudo I
Talvez a Gráfica e Editora Timonense seja a única empresa da região dos Cocais a faturar no governo do comunista Flávio Dino. Segundo o portal transparência do governo do Maranhão desse contrato já foram empenhados R$ 259.097,64 mil, desse já foram pagos R$ 114.259,00 mil.

Sortuda II
Os contratos da Gráfica e Editora Timonense são com o 11º Batalhão da PM de Timon, Secretaria de Estado da Comunicação Social e com a Secretaria de Estado da Segurança Pública.

Cotados
Os ex-vereadores Kennedy Gedeon e Thales Waquim tem nomes cotado para assumirem assessoria do presidente reeleito da Câmara de Timon, vereador Uilma Resende.

Gastos
O Blog do Ludwig teve acesso as prestações de contas enviada ao Tribunal de Contas do Maranhão da primeira gestão do vereador Uilma Resende a frente da Câmara nos últimos anos e deve publicar em momento oportuno devido os arquivos serem muito “pesados” no tamanho.

Gastos II
A título de curiosidade, nos oitos primeiros meses do ano de 2015, a Câmara de Timon gastou R$ 37.700,00 só com diárias para vereadores. Outra, só no mês de fevereiro de 2015 foram pago diárias para 10 vereadores e o maior valor foi de R$ 2.600,00 pago para um deles.

Qualificada
A nova oposição na Câmara de Timon dá sinais de que será mais qualificada, antes mesmos deles assumirem seus mandatos já cuidaram logo em conceder uma entrevista coletiva com a imprensa para tornar público como vão atuar na Casa. Mesmo reafirmando a todo o momento que permanece na oposição, o único que faltou nesse evento foi o vereador Henrique Júnior.

Ano Novo, taxa nova
O prefeito Luciano Leitoa alterou a lei e agora o timonense terá que pagar taxa do lixo após ser aprovada pela Câmara de Timon sem muito conhecimento da população. (Veja aqui)

Transporte Escolar
O Blog do Ludwig vem publicando - e nos próximos dias mais novidade sobre esse caso -, uma série de matéria sobre o flagrante realizado pela Controladoria Geral da União (CGU) no transporte escolar de Timon. Confira aqui mais detalhes.

Sal na moleira
Muitos timonenses esperam ansiosos as revelações ditas pelo vereador Anderson Pêgo sobre os gastos realizado na gestão anterior do presidente Uilma Resende a frente da Câmara de Timon. “Com exceção do vereador Torres, mas, a maioria dos vereadores que recebiam diárias era da oposição”, disse o parlamentar que deve revelar detalhes sobre esse assunto a qualquer momento.

Ganharam perdendo
Os leitoistas empregados na prefeitura de Timon já não têm mais o mesmo sono de antes. Passada a euforia das eleições o prefeito Luciano Leitoa assinou uma portaria no dia 29 do mês passado exonerando todos os comissionais e contratados de sua administração. Nem mesmos os aliados mais empolgados na campanha eleitoral consegue disfarçar suas preocupações sobre esse assunto.

“Pai da BR 226”
Pode até falar dos seus cabelos brancos, mas, os méritos do ex-deputado federal e assessor do presidente Michel Temer, professor Sétimo Waquim na luta pela construção do anel viário de Timon e o asfaltamento da BR 226 ninguém pode tirar dele. Todos os procedimentos até chegar numa reserva financeira por parte do governo federal num valor superior a R$ 88 milhões foram acompanhados de perto pelo ex-parlamentar.

Sumiu
Apoiado pelos Leitoas e colocado nos ostracismo da político pelo comunista Flávio Dino, o deputado federal Zé Reinaldo Tavares não deu as caras na posse do prefeito Luciano Leitoa.

SEGREDO DE PAUTA

Peinha do bucho

A terceirização de mão de obra vai custar caro para muitos prefeitos do Maranhão. Alguns deles estão envolvidos num escândalo sem tamanho e já flagrados pelos órgãos responsáveis pela fiscalização dos gastos do dinheiro público.

========================================================

>> Você pode enviar sugestões de notas para a Coluna De Leve através do e-mail:ludwigalmeida@hotmail.com ou ainda pelo WhatsApp deste blogueiro, (86) 99960-4957.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com