Assembleia Legislativa

sábado, 31 de dezembro de 2016

Prefeitos do MA incomodados com órgãos fiscalizadores

Num encontro realizado em São Mateus, prefeitos que estão de olho na eleição para a presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), em fevereiro, reclamaram da "imagem que os órgãos de fiscalização" difundem dos gestores municipais.

"Ministérios Público, Judiciário e tribunais de contas, tanto da União como do Estado, vivem a nos vigiar e a nos penalizar. Até a Polícia Civil agora tem célula de perseguição aos prefeitos. Atualmente, os prefeitos formam uma categoria marginalizada perante os órgãos de fiscalização, que os veem com marginais, como sugadores do dinheiro público e não atentam para os problemas deles", disse aos colegas o prefeito reeleito de São Mateus, Milton Aragão (foto), durante o encontro no município.

Para o prefeito de Arari, Djalma Melo (PTB), também reeleito, "até mesmo as parcerias institucionais são vistas com desconfiança", de maneira geral. "Não podemos receber em casa um juiz, um promotor ou um delegado, porque logo estaremos sendo acusados de aliciamento. Vivemos uma situação extremamente incômoda, onde não podemos ser parceiros nem de ideias com representantes de outros órgãos", resmungou Melo. (Jornal Pequno)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com