Assembleia Legislativa

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Outra entidade de Caxias pede ao prefeito eleito que mantenha o pagamento dos servidores no dia 20

Ofício do Sindicato enviado ao prefeito
Depois do Sindicato dos Lojistas do Comércio (Sindilojas) e da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), sugerir ao prefeito eleito de Caxias, Fábio Gentil (PRB) que mantenha os pagamentos dos servidores municipais no dia 20 de cada mês (veja), outra entidade também fez a mesma sugestão. O Blog do Ludwig teve acesso a um ofício do Sindicato dos Empregados no Comércio de Caxias enviado ao prefeito eleito Fábio Gentil assinado pelo presidente da entidade, José Antonio Monte Lima onde solicita que o pagamento do funcionalismo público municipal seja mantido no dia 20 de cada mês.

"O Sindicato dos Empregados no Comércio de Caxias - MA, representado pelo seu presidente Sr. José Antonio Monte Lima, vem manifestar a Vossa Senhoria o desejo de que o pagamento regular dos servidores públicos do município de Caxias-Ma, seja mantido na data do dia 20 de cada mês em curso. Tal reivindicação tem como objetivo a necessidade de manter o aquecimento do comércio local e consequentemente o emprego dos comerciários, bem com a regularidade das atividades durante todo o mês”, diz o ofício.

Durante a campanha eleitoral o então candidato a prefeito Fábio Gentil prometia uma mudança no pagamento dos servidores municipais para o dia 10 de cada mês, mas, após ser eleito pelo menos até aqui três entidades – Sindilojas, CDL e o Sindicato dos Empregados do Comércio – entenderam que essa data não seria apropriada devido a outros órgãos que já pagam na mesma data. Com isso visando manter o aquecimento na economia caxiense essa entidades solicitaram de Fábio Gentil que volte atrás de sua promessa de campanha e mantenha o dia 20 de cada mês como data do pagamento dos servidores públicos municipais.

Sem resposta - Todos os ofícios das três entidades já foram protocolados, mas, até aqui o prefeito eleito de Caxias ainda não se manifestou publicamente se vai ou não atender a esta reivindicação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com