Assembleia Legislativa

domingo, 6 de dezembro de 2015

NOTA DE ESCLARECIMENTO

NOTA DE ESCLARECIMENTO: ASSESSORIA JURÍDICA DE MARLLON BARROS INFORMA

Diante da divulgação de notícias falsas na imprensa local e  nas redes sociais, de que o Sr. Marllon Barros teria faltado com respeito ao professores contratados do Município, a assessoria jurídica do referido senhor esclarece o seguinte: A notícia que está sendo utilizada com objetivo de desqualificar a imagem de Marllon Barros, tanto como pessoa, mas, em especial, como futuro candidato ao cargo vereador de nossa cidade. No dia 24 de novembro, um Blogueiro postou em seu Facebook a “notícia” que a atual gestão já tinha recebido mais de R$ 28 milhões do FNDE e pagava R$ 882,18 reais para professor em Timon. A então professora Liviane Morais, teceu o seguinte comentário: “Na verdade ele ta pagando o piso igual ao das outras capitais e municípios para professores contratados quem quiser ganhar mas é só estudar e passar no concurso e outra a antiga gestão nem pagava e outro agravante nem o dinheiro do inss estava sendo repassado o atual prefeito é que teve que arcar com o prejuízo e rombo da antiga gestão” {sic}. Contudo, alguém de má-fé, editou o comentário da professora e postou nos comentários como se fosse Marllon Barros. Pouco tempo depois, tal edição já havia se espalhado por vários blogs e perfis do Facebook, com nítido intuito malicioso de manipular a opinião dos usuários das redes sociais. Contudo, vale ressaltar que Marllon Barros jamais desqualificaria os professores contratados, a quem preza pelo trabalho desempenhado. É de assustar que, alguns minutos depois, um print do texto falso se espalhou de maneira tão veloz evidenciando que as pessoas que o fizeram tinham a intenção de prejudicar Marllon Barros de alguma forma. Os blogueiros e perfis que publicaram um texto editado, irreal e infundado citando o nome de Marllon Barros, fez com objetivo óbvio de provocar a polêmica desnecessária, atrelando seu nome à divergências políticas, com o objetivo de provocar retaliações e provavelmente o fim de sua futura carreira política. Pedimos desculpas aos amigos professores que se sentiram desrespeitados por tal texto, caso tenham se sentido agredidos, o que não acreditamos, pois sabem o respeito que Marllon Barros tem por todos. Marllon Barros, através de sua assessoria jurídica, reitera o respeito á população timonense, prestando os presentes esclarecimentos, em razão de ser uma pessoa publica e ter o dever de esclarecer como cidadão  os seus atos à comunidade.

Araújo, Matos & Simão – Advogados Associados, Assessoria Jurídica, em 05 de dezembro  de 2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog. Os comentários anônimos não serão liberados. Envie sugestões e informações para: blogdoludwigalmeida@gmail.com